Quem foi Chico Xavier?

Santo? Insano? Farsante? Amplie seus conhecimentos sobre o assunto


EM 2010 os espíritas de todo o país comemoraram 100 anos do nascimento deste que consideram o maior "médium" brasileiro, com amplo apoio da mídia impressa e televisiva, e em 2012 um programa de TV o elegeu, por meio de votação popular, "o maior brasileiro de todos os tempos". Podemos sem dúvida considerar o Sr. Francisco Cândido Xavier (1910-2002), mais conhecido como "Chico Xavier", como uma das personalidades mais populares e também mais polêmicas da história recente do nosso país. Grandes emissoras de TV, redações dos grandes jornais e revistas e o meio artístico em geral estão repletos de militantes do espiritismo, e assim somos submetidos a um verdadeiro festival de apologia à figura de Chico Xavier. Filmes nos cinemas, peças de teatro, lançamentos de uma infinidade de livros, especiais de TV, matérias de capa nas revistas...

Mas o fato é que é muito raro a grande mídia abordar as diversas facetas desse controverso personagem: existe uma outra realidade bem diferente dessa que estamos acostumados a ver nos meios de comunicação, e que pode ser comprovada muito facilmente... Se você quer conhecer, simplesmente, a verdade dos fatos, prossiga com a leitura...

** Leia o artigo completo
ofielcatolico.blogspot.com

154 comentários:

  1. Artigo muito bem escrito com informações comprovadas e fontes citadas. O senhor não quis falar o português claro por educação, mas a verdade é que Chico Xavier foi um dos maiores charlatões que já existiu no nosso país. Parabéns por este trabalho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem dito Suelen. Chico Xavier não passou de um farsante, apesar de ter vivido na miséria.

      Excluir
  2. Acredito que a massa de pessoas que ainda acredita em Chico Xavier, e que gerou a imensa receita de bilheteria de seu filme, não tem conhecimento dos dados aqui revelados. No entanto, o problema é que, grande parte dessas pessoas, mesmo confrontadas com esses fatos ainda assim continuariam a acreditar na mediunidade dele. Infelizmente, é muito fácil fazer as pessoas acreditarem no que elas querem acreditar.

    ResponderExcluir
  3. Acho estranho este tipo de matéria, pois o espiritismo só ressalva aquilo que temos embutimos nos lugares mais infinitos da alma: a certeza depois da morte. Claro que não deixa de mencionar a DEUS, e todo o evangelho de JESUS CRISTO. Porém não vejo em nenhuma obra de Chico Xavier a proposta de difamação entre religiões, longe disso, muitas vezes ele disse que chegará o dia em que homem reconhecerá suas falhas, e se entregará a irmandade mundial, longe de atritos e difamações religiosas. Agradeço a atenção e devo ressaltar que DEUS é um só independente de facções religiosas

    ResponderExcluir
  4. ANÔNIMO, você está completamente equivocado, assim como eu um dia também me equivoquei!

    Chico Xavier renegou tudo aquilo que os Evangelhos e a Igreja ensinam: o Perdão Incondicional e GRATUITO de Deus (sem ter que ficar 'reencarnando' infinitamente para quitar minhas dívidas), a Divindade de Jesus Cristo (para o espiritismo Jesus era apenas um espírito evoluído), a ressurreição do espírito (que substituiram pela doutrina hinduísta da reencarnação, que relega seres humanos a meros joguetes, classificando-os em castas, diferenciando-os conforme o nascimento e suas 'vidas passadas', o que não passa de uma impossibilidade científica), a Imaculada Conceição de Maria, a Santidade dos Sacramentos, a Sagrada e Preciosa Eucaristia, etc, etc, etc...

    Portanto, o espiritismo sem dúvida não deixa de mencionar Deus e Jesus Cristo, como você diz, mas o faz para renegá-los! Quanto à Bíblia, o que ocorre é uma completa deturpação dos textos e seus significados, uma sucessão de absurdos ('evangelho segundo o espiritismo') que seriam até engraçados, se não levassem tantas pessoas ingênuas ao erro e à perdição.

    O espiritismo é uma das piores heresias que surgiu no mundo até hoje, e como toda heresia, surge travestida de coisa boa, com grandes "santos" como Kardec e Xavier. Mas se forem analisados de perto, dá medo... Para finalizar, a Igreja instituída pelo Filho de Deus neste mundo não é uma "facção religiosa" entre muitas outras facções. É a Rocha de Salvação para todos os que procuram, a única que o Senhor deixou para preservar a sua Mensagem nesta Terra.

    Procure conhecer a história da Igreja, a vida dos santos, a verdadeira doutrina católica (universal) apostólica. Você vai se surpreender, como eu também me surpreendi, e minha vida mudou para sempre!

    A verdadeira "grande irmandade" só vai acontecer quando todos os verdadeiros filhos de Deus se reunirem numa realidade de bem-aventurança muito diferente deste mundo cruel em que vivemos. Este é o Reino do Céu que esperamos.

    Pax et bonum

    http://artedartes.blogspot.com/search/label/espiritismo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito bom, eu também comecei a estudar a vida de todos os papas e, logo após enveredei pelos concílios, chegando a muitas conclusões que hoje mem ajudam a dizer com muito mais convicção que, era católico e não sabia porque, hoje continuo sendo,sabendo porque sou e porque devo continuar.

      Excluir
  5. um homem que viveu perto da miseria, com uma vida humilde e só fez caridade, não merece esse julgamento. Enquanto outras religiões se apegam a mentiras e vivem na riquesa, com seus mantos caros, aneis de ouro e seu caro dizimo, Chico viveu fazendo o bem e na simplicidade. "A arvore boa não pode dar frutos ruins, nem a arvore ruim pode dar frutos bons." Mateus 7:18
    Então vos pergunto, quantos o espiritismo mandou para a fogueira? quando o espiritismo cobrou algo ou dizimo? quando o espiritismo ofendeu outra religião? quando o espiritismo deixou de ajudar os mais necessitados?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o nosso Deus é dono do ouro e da prata pobre é o diabo ..então quem se ajunta com Deus tem q comer e beber do melhor dessa terra

      Excluir
    2. Puxa, Mylla, parece que o falso profeta que enfiou essa bobagem na sua cabeça esqueceu de avisar ao próprio Filho de Deus, Nosso Senhor, pois Ele viveu uma vida pobre e de extrema humildade neste mundo:

      "Disse Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça."(Mateus 8,20)

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    3. E o diabo é pobre? Tem certeza?

      "E o diabo, levando Jesus a um alto monte, mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos do mundo.

      E disse-lhe o diabo: 'Dar-te-ei a ti todo este poder e a sua glória; porque a mim me foi entregue, e dou-o a quem quero.

      Portanto, se tu me adorares, tudo será teu.

      E Jesus, respondendo, disse-lhe: Vai-te para trás de mim, Satanás..." (Lucas 4,5-8)

      Mylla, seja quem for que está lhe ensinando essas coisas, saiba que elas são totalmente contrárias ao verdadeiro Evangelho de Cristo. Procure a Verdade enquanto há tempo.

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    4. Caro Anônimo.
      Vc sabe o que é fazer Caridade? É muito difícil. É fácil fazer filantropia.
      A Caridade consiste em fazer o bem por amor a Deus e aos irmãos necessitados, sem esperar recompensa. Não é fazer "caridade" para "ser purificado"... como o espírita faz; Você entende?

      Excluir
    5. Esquecem os senhores que a verdade também é uma forma de caridade, e o que a Voz da Igreja fez não foi nada além disso. Quer dizer, então que só por que o espiritismo é bonzinho, eu devo deixar as pessoas no erro?

      Excluir
  6. A IGREJA CATÓLICA AO INVÉS DE OLHAR SEU PRÓPRIO "RABOOOOOO" FICA SE METENDO E OFENDENDO PESSOAS SÉRIAS QUE DOARAM SUA VIDA EM PRÓL DA CARIDADE SENDO TOTALMENTE DSPRENDIDO DO MATERIALISMO AO CONTRÁRIO DO LIDER DE VCS QUE VIVE EM MEIO A RIQUEZA E AO LUXO ENQUANTO O MUNDO SE ESPALDA EM FOME E MISÉRIA. PROCUREM SE INFORMAR E ABRIR A MENTE PODRE E FECHADA DE VCS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, "Terricola".

      Apesar de o seu comentário desrespeitar toda regra de boa educação e respeito necessários a qualquer diálogo, resolvemos mantê-lo, para que fique bem demonstrada a diferença entre o nosso comportamento, enquanto cristãos, e o vosso, com suas ofensas gratuitas.

      Em primeiro lugar, garantimos que não temos "rabo" para olhar, visto que somos seres humanos, graças a Deus. Em segundo lugar, não é preciso escrever tudo em letras maiúsculas, como se estivesse gritando, pois dialogar respeitosamente é sembre o melhor em qualquer situação, especialmente quando tentamos defender nossas ideias.

      A verdade é que a sua postura e a sua reação falam por si, demonstrando perfeitamente que Chico Xavier para o senhor é um mito e um ídolo, uma espécie de "ser angelical" inatacável, e o senhor não poupará esforços para defenedê-lo, mesmo contra fatos concretos. Informamos que contra fatos não existem argumentos.

      E como tudo o que expusemos neste post foram apenas e tão somente fatos, nos reservamos ao direito de não responder às suas ofensas na mesma medida, mas nos limitamos a lhe desejar bençãos. Que a Luz Divina brilhe em sua vida, e mostre além das ilusões de tantos e tantos falsos mestres que se apresentam neste mundo. Seja feliz, e que o Senhor Jesus Cristo, que é Deus, o livre de todo o mal!

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Bom dia!!!!
      Meu irmão, como já foi falado nós seres humanos não temos rabo, e pelo o que consta na BIBLIA SAGRADA (se é que vcS leem) somos imagem e semelhança de DEUS. E enquanto ao nosso lider, como vc se dirigi, ele é um chefe de estado como o nosso presidente e os presidentes dos outros paises, e no mas se vc não sabe ele tem cadeira cativa na ONU, coisa que agora alguns paises estão conseguindo, mas ele abstém no seu voto lá na ONU. Bem, se vc acha q ser chefe de estado não precisa tem o q ele tem, então vamos colocar a boca no trombone por que aqui no Brasil a Presidente tem um dos mais modernos avioes do mundo enquanto o nosso lider, q é mais importante q a Presidente, não tem avião. No entanto até os bispos/pastores/apostolos tem avião. É meu irmão acho q vc deveria vê ou procurar saber isso. E outra eu não sabia q falar a verdade é motivo de ofensa as pessoas. Mas, um conselho tenta estudar um pouco sobre igreja católica antes de falar alguma coisa, e isso serve para quem estiver lendo e achando q estamos ofedendo alguém.
      SOU CATÓLICO COM ORGULHO!!!!!!!!

      Excluir
    3. minha mente está tão embaralhada, pois; até acredito no Chico Xavier, agora; Jesus Cristo, sempre esteve e estará dentro da minha alma.
      Ninguém neste mundo substituirá Jeová Deus e seu único filho Jesus - o Cristo ( o escolhido )

      Excluir
    4. Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo.

      E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.

      Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.
      2 Coríntios 11:13-15

      Excluir
    5. Exatamente!!!

      Excluir
    6. Olá,olha gostei muito da reportagem sou evangélico e não tenho descriminação por nenhuma religião mais achei muito esclarecedora esta declaração com as fotos e explicações,ha e também gostei muito mesmo de como respondeu o terrícola foi demais deus abençoe....

      Excluir
  7. Se jesus ensinou que não devemos tirar a vida de qualquer ser vivo mesmo os mais pequenos,e eles na inquisição foi o que mais fizeram em nome de JESUS,como dar credibilidade a uma igreja dessa,vai estudar e se informar quanto o espiritismo,porque ao contrario do que vocês pensam nos temos como raiz, o amor a caridade e a fé. Chico veio demonstrar o que sua igreja não faz, AMAR A SEU PROXIMO,NÃO EM PALAVRAS MAIS EM GESTOS DE CARIDADE (SEM COBRAR NADA E SEM ESPERAR NADA EM TROCA) DIFERENTE DA SUA IGREJA .... QUE DEUS LHES PERDOI,,,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Igreja cobra pela caridade? Se cobrasse não seria caridade...

      A Igreja Católica mantém na:

      ÁSIA

      1.076 hospitais
      3.400 dispensários
      330 leprosários
      1.685 asilos
      3.900 orfanatos
      2.960 jardins de infância

      África

      964 hospitais
      5.000 dispensários
      260 leprosários
      650 asilos
      800 orfanatos
      2.000 jardins de infância

      América

      1.900 hospitais
      5.400 dispensários
      50 leprosários
      3.700 asilos
      2.500 orfanatos
      4.200 jardins de infância

      Oceania

      170 hospitais
      180 dispensários
      1 leprosario
      360 asilos
      60 orfanatos
      90 jardins de infância

      Europa

      1.230 hospitais
      2.450 dispensários
      4 Leprosários
      7.970 asilos
      2.370 jardins de infância

      O Conselho Pontifício –Cor Unum – ( organismo da Santa Sé encarregado de promover e organizar as instituições de caridade e assistência da Igreja) publicou num cd , um guia com 1.100 organismos da Igreja comprometidos com a ação social-caritativo, que ajudam, principalmente, em casos de catástrofes ou necessidades, sem distinção de religião, para isto, pedem ajuda nas paróquias católicas do mundo ou em outras instituições.

      Excluir
    2. Além disso, procure estudar a vida de Madre Teresa de Calcutá, São Francisco de Assis, Santa Luzia, Irmã Dulce, e em geral a história da igreja e dos santos que viveram e morreram por amor a Cristo! Estude também o que realmente foi a Inquisição!

      Excluir
  8. O que falta é vergonha na cara. Um blog evangélico atacando outra religião.
    E o mais engraçado desta história toda, não existem PROVAS de que Chico fosse um farsante, sem provas, sem acusações. Em achismo ninguém pode se basear.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é o Chico na terra, e o NEO no Matrix...

      Médium, escolhido, ser superior que entra em contato com o alêm...

      sério mesmo...

      Seria tão difícil assim, olhar para um belo jardim e enxergar a sua beleza natural, sem ter que achar que existem fadas escondidas entre as flores?

      Excluir
    2. E as fotos??????????????

      Excluir
  9. A todos que se manifestaram demonstrando seu ódio e discriminação para com a Igreja Católica, incluindo aqueles cujos comentários tiveram que ser apagados por não obedecer às regras mínimas da educação e do respeito no diálogo, gostaríamos de lembrar que o nosso artigo não emitiu, em momento algum, opiniões particulares ou ataques gratuitos. Percebemos claramente que muitos nem se deram, sequer, ao trabalho de ler o texto na íntegra, caso contrário não teriam se equivocado tanto nas suas tentativas desesperadas de defender o seu ídolo. Sim, porque esse tipo de comportamento demostra que Chico Xavier, em suas consciências, avançou de mito para ídolo.

    O nosso artigo, do começo ao fim, é de teor puramente informativo e se restringiu à tarefa de levantar fatos concretos a respeito da vida de Chico Xavier. Nem uma vírgula a mais.

    Mesmo assim, agradecemos pela participação de todos. A seguir deixamos as nossas respostas, na esperança de que sejam lidas. O Deus de Amor e Sabedoria abençoe e ilumine as vidas de todos que comentaram.

    ResponderExcluir
  10. Meu querido "anônimo 1". Vou chamá-lo(a) assim, já que a maioria dos que entram para atacar geralmente não deixa o nome...

    Por favor, tente entender uma coisa: viver uma vida simples não é a garantia de que tudo o que aquela pessoa ensina seja a pura verdade. O pastor norte-americano Jim Jones, por exemplo, também viveu uma vida simples e humilde, até se revelar o maluco que era, levando ao suicídio em massa sua comunidade em Jonestown, Guiana, em 1978, com o resultado de 918 mortes por envenenamento. Não comparo os casos, mas o exemplo é apropriado.

    É simples: só porque o Chico Xavier viveu aquilo que pregava, isso não é garantia de que tudo o que ele pregava estava certo. Será muito difícil compreender isso?

    Por outro lado, você se refere a "outras religiões que "vivem na mentira, com mantos caros, anéis de ouro, etc." - Por certo está se referindo à Igreja Católica, como uma forma de desforra por ter se sentido ofendido, já que este é um blog católico. Gostaria que citasse qual a grande mentira a que o(a) senhor(a) se refere, já que se não fosse pela Igreja Católica nós não teríamos sequer os Evangelhos hoje, sobre a qual ela se fundamenta, e o seu espiritismo afirma se basear também. Então, se o catolicismo vive na mentira, igualmente o espiritismo (que o deturpa), com a grande (enorme) diferença de que o catolicismo surgiu do seu Fundador, o próprio Jesus Cristo, e o espiritismo a partir de um cientista de moral bastante duvidosa, que precisou mudar seu nome, de Rivail, desacreditado nos meios científicos da época, para Allan Kardec.

    Luz para a sua vida!

    ResponderExcluir
  11. Victorino, bem vindo ao diálogo.

    Como todo inimigo sem imaginação da Igreja Católica, o senhor menciona a inquisição. Gostaríamos muito de saber em que livro o senhor se informou a respeito deste assunto, e em que fontes históricas se apoiou para formar as suas opiniões.

    Estamos planejando para breve um artigo esclarecedor a respeito desta questão (tão manjada) aqui neste blog. Enquanto isso, seria interessante a leitura de dois posts publicados num outro blog, com bastante propriedade e responsabilidade:

    http://artedartes.blogspot.com/2011/03/inqusicao-da-igreja-catolica-apostolica.html

    http://artedartes.blogspot.com/2011/03/pecados-da-igreja-catolica-conclusao.html

    Vale à pena a leitura. O texto está fundamentado em sólida pesquisa histórica e traz as devidas fontes documentais. Não se trata de especulação, acusação gratuita e nem defesa apaixonada de um determinado ponto de vista, como fazem aqueles que atacam a Igreja usando esse tema fora de contexto e sem nehum conhecimento de causa.

    Ainda sobre o assunto, gostaríamos de sugerir também a leitura da obra "A Inquisição e o seu Mundo", do Professor João Bernardino Gonzaga, da Editora Saraiva. Para uma leitura mais resumida e fácil, procure a edição especial da revista "História Viva" sobre a Idade Média, ainda nas bancas (4/2011). Traz um artigo sério e bastante realista, longe das versões fantasiosas dos filmes de Hollywood (EUA = protestantismo).

    Quanto à questão da caridade, saiba que, estatisticamente, se somarmos tudo o que todas as intituições religiosas do mundo fazem pelo bem dos pobres e necessitados, o total não alcança a metade do que faz a Igreja Católica. Isso levando-se em conta as devidas proporções, porque se formos analisar a questão em termos absolutos, aí não dá nem para começar a comparar. Ninguém faz tanta caridade no mundo, e aliás, se a Igreja não existisse, provavelmente o mundo ocidental nem conheceria o sentido do termo. A palavra caridade surgiu na Igreja com o sentido de ajudar sem querer nada em retorno: essa idéia para os povos antigos, como os gregos e romanos, era absurda. Essa virtude surgiu depois que o mundo ocidental se tornou católico. É, conhecimento faz bem para a alma...

    Ainda falando de caridade, o senhor já ouviu falar num organismo da Igreja chamado Cáritas Arquidiocesana? Já ouviu falar em Madre Teresa de Calcutá? Irmã Dulce? Luis Orione? Padre Pio De Pietrelcina? Eu poderia citar milhares e milhares de nomes de verdadeiros santos católicos que fizeram muito mais pela caridade do que Chico Xavier, e sem disseminar a doutrina anticristã da necromancia (consultar os mortos) e nem usar truques de mágica. Encerro sugerindo uma outra leitura para o senhor, no link abaixo:

    http://temaspolemicosigreja.blogspot.com/2010/10/igreja-catolica-maior-instituicao-de.html

    Esperando ter esclarecido as dúvidas apresentadas, deixamos um abraço e muitas bençãos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A maioria das pessoas que vem atacar a Igreja só repetem o que ouvem, como papagaios! Dias atrás assiti uma cena da novela Lada a Lado que passa na Globo no horario das 18 horas! Na cena, estava a personagem da Camila Morgado uma das protagonistas, conversando com um padre. Na conversa ela dizia qe era católica mas que não via problema em consultar os orixás (sincretismo religioso), e que a Igreja até um tempo atrás dizia que os negros não tinham alma! E o padre, só ouvindo com cara de ignorante e incapaz. Quando eu vi aquela cena eu fiquei pensando "Quantas pessoas agora não vão sair repetindo essa bobagem, baseando-se em uma cena de novela global?!" E isso infelizmente é o que mais acontece...

      Excluir
  12. Saudações, "anônimo 2".

    Com todo o respeito, mas o seu comentário foi, disparado, o mais absurdo de todos. De onde o(a) senhor(a) tirou a ideia de que este é um "blog evangélico"?? De fato somos evangélicos, mas não no sentido que o(a) senhor(a) quis usar. Somos os verdadeiros evangélicos, pois somos católicos. E "atacar outra religião"? Onde, exatamente, o(a) senhor(a) viu ataque no texto?? Estamos apresentando fatos concretos, juntamente com as devidas fontes. Isto não é ataque.

    Por fim, o(a) senhor(a) afirma que "não existem provas" do que está sendo apresentado, e que nos baseamos em "achismo"?? Com humildade, simplesmente sugerimos que leia o post, com um mínimo de atenção, pois ali estão apresentadas inúmeras provas e evidências de charlatanismo, e bem claras!

    Deus o(a) abençoe e ilumine!

    ResponderExcluir
  13. Caros amigos e irmãos (em Deus), eu sou espírita e, respeitando toda e qualquer opinião, venho dizer:
    Durante séculos houve a supremacia das instituições religiosas em tudo, inlusive sobre as decisões de publicações de descobertas científicas que mudariam a compreensão de como devemos entender Deus.
    Tudo isso começou a mudar quando o homem passou a utilizar a razão como instrumento mais isento e justo. A fé não ficou de fora. Hoje entendemos que fé dissociada da razão termina por conduzir o homem pelo caminho do preconceito e da intolerância.
    Jesus Cristo é atacado diariamente pelo simples fato de alguém não acreditar na sua prática e não aceitar sua filosofia. Foi por esta razão que O condenaram à crucificação.
    Por isso, devemos entender o que fazem em relação a Chico Xavier.
    No fundo, esses pensam que sabem o que fazem.
    Resta o lembrete: "Amemo-nos uns aos outros", mas não apenas da 'boca pra fora'.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jesus Cristo disse: "Só vivemos uma vez.." Como o espiritismo fala de Jesus e contraria frontalmente esta verdade, dizendo que se vive "n" vezes?

      Excluir
  14. Curioso é que nenhum dos "anônimos" que vem defender Chico Xavier refuta os simples FATOS apresentados no texto. Essas pessoas apelam para o sentimentalismo, para a filosofia, alguns para a baixaria... Mas ninguém toca no assunto que interessa, por exemplo: como é que os "espíritos de luz" que assistiam Chico Xavier não o avisaram que o pedido de ajuda do investigador era falso? Como se explicam os casos de plágio de obras literárias? E os truques de mágica que ele usava para iludir os ingênuos? E a associação dele com uma charlatã e criminosa? E as fotos que o comprometem?

    Os defensores de Chico Xavier não falam nada sobre esses simples FATOS. Só ficam filosofando, ponderando, questionando coisas que não interessam, mudando de assunto... Este último chegou à ousadia de comparar tal figura a Jesus Cristo!!

    Comparar Chico Xavier a Jesus Cristo, para nós, católicos, é mais do que apenas um sinal de extrema ignorância. É blasfêmia.
    Para nós, Jesus é o Cristo, o Verbo de Deus encarnado. Chico Xavier foi, segundo PROVAS bem concretas, um charlatão, e talvez um doente mental. A única qualidade deste homem foi ter vivido uma vida simples, nada mais. Em algum momento da sua vida talvez ele tenha realmente acreditado naquilo que pregava. Isso basta para ser considerado um santo, um grande homem, um ícone da caridade no mundo? Basta para ser comparado a Cristo???

    ResponderExcluir
  15. Basta ler o post para encontrar diversas evidências e também provas concretas contra a idoneidade de Chico Xavier. A mídia fez de Chico um mito, mesmo contra o bom senso mais óbvio e simples.

    O povo abraça essa falsa imagem, esse personagem construído a partir de truques de mágica, charlatanismo e distorção da doutrina cristã, porque o povo precisa de heróis, e precisa de consolo imediato.

    A mensagem de Jesus (a verdadeira) não é aquela que muitas pessoas querem ouvir. O consolo que o cristianismo (o autêntico) tem a oferecer não é o que muita gente gostaria que fosse, mas é a Verdade Divina, e nós precisamos nos adequar a ela, se quisermos viver as coisas de Deus em Verdade e em Espírito.

    Claro, é mais fácil acreditar em histórias da carochinha, em mundos encantados, povoados de "espíritos de luz" prontos a nos resgatar, e aceitar qualquer protótipo de herói que surja com uma resposta imediata e confortável para os nossos sofrimentos, para a finitude da vida, para as nossas perguntas sem resposta, como é o caso de Chico Xavier.

    Aceitar o Mistério Divino é muito mais difícil; porém infinitamente mais proveitoso, porque a Verdade não pode ser moldada conforme o nosso desejo e os nossos caprichos. Ela não é o que gostaríamos que fosse, ela simplesmente é a Verdade.

    Quanto a fazer caridade, ninguém fez tanto pela caridade no mundo, em toda a história da humanidade, quanto a Igreja Católica Apostólica Romana. Sugiro que assistam aos filmes do Dr. Thomas Woods, aqui mesmo neste blog:

    Como a Igreja Construiu a Civilização

    ResponderExcluir
  16. Gostaria de perguntar para os dirigentes deste blog: Algum de vocês conheceram Chico Xavier? Tiveram a oportunidade de conversar com ele? Observou minuciosamente seus trabalhos?
    Se a resposta é não, então por gentileza, não coloquem informações que os senhores buscaram em fontes terceiras.
    Se este blog tem a finalidade de difundir a fé Católica (e ela não é a ÚNICA fé CRISTÃ), por favor, discutam dentro de sua doutrina, não queira infiltrar outros campos, pois tudo aquilo que é julgado, que é difamado e proibido causa mais curiosidade,logo, após eu ler esta matéria, vou começar a frequentar um centro espírita que existe perto de casa para ver se tudo isso é verdade. E vou convidar todos os meus amigos que frequentam a Igreja Católica, acho que pelo menos lá, talvez as pessoas não percam seu tempo falando mal de outras crenças.

    ResponderExcluir
  17. Caríssima Angélica,

    Ou eu deveria dizer “Simone”? Curioso, de repente surgiram dois comentários muito ofendidos, defendendo o espiritismo contra acusações que ninguém fez, com nomes diferentes mas falando de um jeito idêntico, nos chamando de "dirigentes"... E o mais interessante: os dois partiram do mesmo endereço de IP, segundo o nosso provedor! Esquisito.

    Enfim, respondendo às perguntas que você deixou:

    1. Não. Eu e minha esposa, que escrevemos este artigo, não conhecemos o Chico Xavier pessoalmente. O que não tem a menor importância neste caso; eu também não conheci o Adolf Hitler, e mesmo assim eu sei que ele foi um déspota cruel e sanguinário. Não conheço o Urandir Fernandes Oliveira, aquele sujeito que fala com o "ET Bilu" e foi desmascarado como charlatão. Não o conheço pessoalmente, mas como um ser humano racional e consciente, eu tenho minha opinião bem formada a respeito das coisas que ele ensina aos que o seguem.

    Claro que não estou comparando Chico Xavier com Hitler. Este é só um exemplo bem concreto para você entender o óbvio: imagine que absurdo seria se a gente precisasse conhecer uma pessoa pública pessoalmente para formar algum juízo de valor! Nenhum político corrupto poderia ser condenado. Aliás, ele não poderia nem ser acusado!

    2. Você afirma que nós estamos “nos infiltrando” e “difamando” o espiritismo. Isso não é verdade. Qualquer pessoa que simplesmente leia o post com um mínimo de atenção, antes de criticar, verá que ele é de teor puramente informativo. Difamar é afirmar alguma coisa pejorativa contra alguém, levianamente, sem provas e sem citar fontes. Nós, aqui, estamos simplesmente apresentando fatos concretos e públicos, que já foram documentados e publicados em diversos outros veículos. Todas as fontes estão citadas no final do artigo, bem visíveis.

    3. Não estamos minimamente interessados em “arrebanhar fiéis” para a Igreja. Nosso único interesse é defender a verdade. Simples assim. Graças a Deus vivemos num país democrático (ao menos em teoria) onde as pessoas são livres para escolher sua religião. Mas seria interessante que as linhas religiosas se apresentassem com honestidade e coerência. Os espíritas, por exemplo, não deveriam se declarar “cristãos”, já que eles sequer acreditam que Jesus é o Filho de Deus, nem que Ele é nosso Salvador, nem que nos resgatou na Cruz... Seria mais honesto se declararem como religião neopagã. Isso não seria nenhuma ofensa.

    Infelizmente, para "arrebanhar seguidores", Allan Kardec optou pelo caminho mais fácil: visou a religião estabelecida, buscando confundir seus membros, adotando termos e usos cristãos e misturando-os com conceitos pagãos, como a reencarnação, a necromancia, etc.

    4. Você pode e deve visitar e conhecer o centro espírita, sim! Aproveite para confirmar o que apresentamos no post "O cristianismo e o espiritismo são compatíveis?" Eu mesmo, como pesquisador das religiões há mais de 20 anos, li todas as obras espíritas importantes, fiz cursos pela Federação Espírita e frequentei centros por algum tempo. Foi assim que eu confirmei a grande incoerência dessa doutrina, os erros teológicos, conheci muitos e muitos casos de charlatanismo, a manipulação de pessoas ingênuas, etc, etc.

    5. Por último, por favor, eu insisto: leia o post e perceba que não estamos "falando mal" de ninguém. Estamos apenas e tão somente esclarecendo às pessoas, citando dados e fatos comprovados.

    Finalizando: pessoas que "frequentam" a Igreja não são católicos. Católicos de verdade, aqueles que comungam do Corpo e Sangue de Cristo na Divina Eucaristia, esses não abandonam a Igreja tão facilmente.

    Bençãos, e que a Luz de Cristo reine sobre a sua vida, e as vidas de todos os que lhe são queridos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você frequentou e conheceu "casos de charlatanismo" no espiritismo? Está falando do espiritismo onde a doutrina dos espíritos orienta o indivíduo ao amor e à caridade?
      E o senhor pesquisou os casos de charlatanismo em muito maior número na igreja católica? Até um pedaço de veidro que quebra, se subliminarmente "parecer" a imagem de uma santa, mesmo não sendo nada, o povo, manipulado vai para lá rezar, chorar, fazer acontecer milagres como fizeram no túmulo de Tancredo e até da Dercy Gonçalves quando ela era viva biologicamente! Vocês não sabem o limite do ridículo mesmo! E ainda usam sua teologia furada, cheia de paganismo para reprimir o Evangelho do Espiritismo que coleciona as máximas do Cristo e incentiva ao perdão, ao amor, à obra de fé? Vocês estão brincando ou tentando nos dar um atentado de idiotas! Funciona com muitos, infelizmente! Mas ainda há quem raciocine na terra!

      Excluir
    2. Não, não, Walter, eu estou falando de 100% dos centros espíritas nos quais pobres doentes mentais são aconselhados a se submeterem a "tratamentos espirituais" para afastarem "espíritos obsessores". Estou falando das centenas de obras espíritas ditas "psicografadas" mas que são escritas por pessoas muito espertas em nome de "espíritos desencarnados" e levam milhares de ingênuos a acreditar em fábulas.

      Quanto às suas acusações, por favor, apresente-nos um único caso em que a Igreja tenha declarado "milagre" uma imagem que tenha aparecido num "pedaço de vidro que quebra" (sic). Mostre-nos pelo menos um caso em que a Igreja tenha "manipulado" o povo para cultuar celebridades como se fossem santos.

      Qualquer pessoa minimamente interessada em conhecer a realidade sabe que a Igreja age em sentido exatamente contrário ao que você afirma: ela reprova e condena todo tipo de crendice e/ou sincretismo, e só declara algum milagre como tal após uma rigorosíssima análise científica.

      E ainda encontro o cúmulo do absurdo no seu comentário! Você, pretendendo defender o espiritismo, relaciona a Igreja com o paganismo?! Proporcionou-me boas gargalhadas!

      Ora, qualquer estudante da ciência das religiões sabe que tudo o que o espiritismo representou de "novidade" em termos de doutrina foi a mistura sincrética entre as crenças pagãs da reencarnação e da necromancia ou mediunidade com a caridade cristã. Foi apenas esta a tal "decodificação do espiritismo" do Allan Kardec: misturar elementos pagãos e cristãos, nada mais, nada menos, sendo o grande detalhe que ele descartou tudo o que havia de mais absolutamente fundamental no cristianismo, como a Divindade de Jesus Cristo e o Sacrifício Redentor na Cruz, só para dizer o mínimo.

      Para finalizar, lembro que este site existe para discutir teologia e doutrina. Serve aos que estão em busca da verdade. Não estamos aqui discutindo quem faz mais caridade (mas ainda que fosse este o caso, a Igreja Católica é comprovadamente a instituição que mais faz caridade no mundo - já publicamos postagem a respeito). "Evangelho do espiritismo" não existe. Existem os Evangelhos autênticos, produzidos e preservados pela Igreja, e existem deturpações deles. Colecionar "máximas de Cristo" é coisa muito fácil. Difícil é observar a verdadeira mensagem do Evangelho como ela é, na íntegra.

      A Luz de Cristo o ilumine e salve
      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  18. Bom, como eu acessei esse blog em resposta a revista sem utilidade que os senhores escrevem e portanto, não pretendo mais acessá-lo, peço-lhes: Se não encontrarem algo útil, benevolente e agradável para dizer, mantenham o nobre silêncio.
    E se os senhores um dia quiserem visitar o centro espírita, serão muito bem vindos, afinal, somos todos irmãos em Deus e Jesus é nosso irmão maior. Que assim seja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem, vivemos em um pais de livre opinião, respeito tudo que a Senhora disse, no entanto se esse blog não tem utilidade para Senhora faça isso não o acesse, mas, não é o com palavras ofensivas que conseguiremos mostrar ao mundo nosso valor, e o mais importante respeitar todo e qualquer trabalho cientifico que traga um referencial bibliográfico para provar aquilo que ele trás de informação, por mais que não torne agradável para alguns.
      Bem, acredito que es uma pessoa muito bem educada, e é assim que venho pedir gentilmente que reveja seus conceitos e ao "falar" respeite aquilo que foi escrito por alguém por mais que não te agrade pois para um artigo como aquele é necessário um estudo do caso, e o mais importante observar bem, pois li tudo que esta escrito e em momento algum percebi ofensas,a religião ao pessoa.

      Excluir
  19. Sem utilidade são os livros de contos de fadas que esse pessoal gosta de ler pra se sentir bem, tipo zíbia gaspareto e outros. Que triste! A pessoa quer ter razão e vem atacar de graça um trabalho tão bem feito como a revista voz da Igreja. Pelo exemplo que ela deixou aqui podemos ver bem o tipo de pessoa que segue filosofias como o espiritismo.

    Como disse Dom Odilo, quem quer ser respeitado precisa primeiro aprender a respeitar.

    ResponderExcluir
  20. Santo? Insano? ou Farsante? Não cabem a vos julga-lo e sim ao deus pai e mãe.
    Ides praticar o Bem sem olhar a quem, mas quando vierdes praticar o Mal, olhe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Santo? Insano? Nao cabe a voce entao julgar Hitler tambem.. Cara bom aquele viu... ou Cara ruim aquele viu...
      Prestou atencao no que voce chama de julgar senhora anonima?
      Fica tranquila, voce ainda levara muitas pessoas pro teu candomble, muitas pessoas com a mesma mente tua.

      Excluir
  21. Santo? Insano? Farsante? São perguntas. Lendo o post e conhecendo os fatos, cada um de nós pode tirar suas própria conclusões, e isso não é julgar o próximo. É ter consciência, é usar do discernimento que Deus nos deu.

    ResponderExcluir
  22. Amigos da Voz da Igreja, simplesmene adorei seu blog! Muito bem escrito e organizado, trabalho profissional! Excelente conteúdo! Grato por darem um voto de confiança à Confraria. Recomendarei vocês a todos. Excelente reportagem sobre a farsa de Chico Xavier. Vale acrescentar que o espiritismo sempre pregou contra a Igreja e que Alan Kardec era maçon de alto grau (=inimigo de Cristo). Os espíritas são como o demônio: citam as escrituras e as interpretam segundo suas conveniências pessoais (lembram-se das tentações de Cristo no deserto?), e escondem aquelas partes em que suas práticas e crenças são condenadas, escondendo-se por trás de uma caridade que serve para conquistar adeptos e simpatizantes (ou seja, não é caridade, é marketing social pois dá esperando retorno, e isto é comércio). Caríssimos, parabéns pelo ótimo trabalho e continuem o excelente apostolado! Rezo pelo seu sucesso!

    ResponderExcluir
  23. Caríssimo irmão em Cristo Anacoreta,

    Muito nos honra e motiva o seu comentário e o seu incentivo ao nosso trabalho em Voz da Igreja. Agradecemos às amáveis palavras com redobrada energia no Senhor. Vamos, juntos, a combater o bom combate!

    ResponderExcluir
  24. Olá, Boa Tarde, a paz de Cristo e o amor de Maria!

    Gostei muito do seu blog, é apologético e oracional. Bom, eu queria que você ou vocês lessem, comentassem, seguissem e divulgassem meu blog (http://lennyjornalistacatolico.blogspot.com/). Sou Jornalista Católico e queria selar uma parceria em Deus e em Maria.

    ResponderExcluir
  25. ‎"As religiões são caminhos diferentes convergindo para o mesmo ponto. Que importância faz se seguimos por caminhos diferentes, desde que alcancemos o mesmo objetivo?" - Mahatma Gandhi

    ResponderExcluir
  26. Conta Leonardo Boff que....

    'No intervalo de uma mesa-redonda sobre religião e paz entre os povos, na qual ambos participávamos, eu, maliciosamente, mas também com interesse teológico, lhe perguntei em meu inglês capenga: - 'Santidade, qual é a melhor religião?' Esperava que ele dissesse: 'É o budismo tibetano' ou 'São as religiões orientais, muito mais antigas do que o cristianismo.' O Dalai Lama fez uma pequena pausa, deu um sorriso, me olhou bem nos olhos - o que me desconcertou um pouco, por que eu sabia da malícia contida na pergunta - e afirmou: 'A melhor religião é a que mais te aproxima de Deus. É aquela que te faz melhor.' Para sair da perplexidade diante de tão sábia resposta, voltei a perguntar: - 'O que me faz melhor?' Respondeu ele: - 'Aquilo que te faz mais compassivo (e aí senti a ressonância tibetana, budista, taoísta de sua resposta), aquilo que te faz mais sensível, mais desapegado, mais amoroso, mais humanitário, mais responsável... A religião que conseguir fazer isso de ti é a melhor religião...' Calei, maravilhado, e até os dias de hoje estou ruminando sua resposta sábia e irrefutável.

    ResponderExcluir
  27. Pois é, Erika, tinha que ser o inimigo-mor da Igreja, apelidado até de "diaboff", para falar bobagens como essas.

    A Verdade é uma só. A Verdade é imutável e Una. E só a Verdade conduz à salvação e à perfeita liberdade. Não existem "muitas verdades", da mesma maneira que não podem existir muitas doutrinas diferentes que conduzam à uma mesma Verdade, porque elas se contradizem umas às outras.

    Mesmo que uma falsa religião me faça sentir bem, compassivo, amoroso e tranquilo... se não for a Verdade, isso vai fazer mal para a minha alma, cedo ou tarde.

    Jesus Cristo disse: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém chega ao Pai senão por Mim"... Mas o Alan Kardec deturpou as palavras de Cristo no patético "evangelho segundo o espiritismo".

    O espiritismo é um ótimo exemplo de falsa religião, porque não re-liga com Deus, ao contrário. Falam muito em caridade, em paz e amor, mas trata-se de uma falsa doutrina, baseada na necromancia e na picaretagem. Mesmo que muitos frequentadores sejam bem intencionados (e eu sei que são), "se um cego guiar outro cego, cairão ambos no barranco" (Como também disse Jesus Cristo em Mateus, 15, 12-14).

    De nada servem as palavras bonitas do "diaboff" e do Dalai Lama. Só o que importa e leva ao encontro com o Pai é a Verdade. Essa Verdade é Jesus Cristo. Esta é a fé cristã católica, apresentada e defendida neste blog.

    ResponderExcluir
  28. POIS É MEU IRMÃO, VC DISSE UMA VERDADE NINGUÉM CHEGA AO PAI SE NÃO FOR ATRAVÉS DO FILHO,ENTÃO PERGUNTO PORQUE NÓS CATÓLICOS TEMOS INÚMEROS SANTOS QUE INTERCEDEM PELOS HOMENS? JÁ QUE A PALAVRA É BEM CLARA!
    PRECISAMOS TOMAR CUIDADO PARA NÃO NOS TORNARMOS INTOLERANTES OU ATÉ MESMO FUNDAMENTALISTAS RELIGIOSOS QUE SÃO INCAPAZES DE ENXERGAR A VERDADEIRA MENSAGEM QUE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO NOS DEIXOU.ELE SE DOOU POR AMOR AOS HOMENS E SEM ESCOLHER QUEM ERAM ESSES HOMENS, DISSE AINDA " QUEM NÃO TEM PECADO QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA", MESMO EM LEITO DE DOR E SOFRIMENTO PEDIU AO PAI QUE NOS PERDOASSE POIS NÃO SABÍAMOS O QUE ESTÁVAMOS FAZENDO.
    JESUS CRISTO DEIXOU UMA LIÇÃO QUE AINDA O HOMEM NÃO APRENDEU, QUE NINGUÉM VENCERÁ SE NÃO FOR PELO AMOR.
    QUE DEUS OS ABENÇOE E ILUMINE NOSSAS REFLEXÕES PARA QUE NÃO NOS TORNEMOS REFÉNS DA INTOLERÂNCIA RELIGIOSA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por sua interpretação "NINGUÉM CHEGA AO PAI SE NÃO FOR ATRAVÉS DO FILHO", seria afirmar que nem mesmo os apóstolos, escolhido pelo Senhor para desempenhar a missão de levar a Salvação à todas as nações, são capazes de leva-la. Mas foi por meio dos apóstolos que muitos se converteram, esses convertidos conheceram Cristo, primordialmente em seus discípulos, ou seja, foi através da intercessão e mediação dos apóstolos que chegaram à Cristo. Logo a intercessão e mediação de Seus Santos não é dispensada quando Nosso Senhor diz: "NINGUÉM CHEGA AO PAI SE NÃO FOR ATRAVÉS DO FILHO". O que se pode depreender dessa frase é que, só pode conhecer o Único e Verdadeiro Deus, aquele que aceitar e proclamar como Único e Verdadeiro Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo.

      Excluir
  29. Seja bendita a Liberdade de Expressão!

    Bom, como vc(s) disse(m) "O nosso artigo, do começo ao fim, é de teor puramente informativo e se restringiu à tarefa de levantar fatos concretos a respeito da vida de Chico Xavier. Nem uma vírgula a mais."

    Realmente, se não fosse pelo dizer "É simples: só porque o Chico Xavier viveu aquilo que pregava, isso não é garantia de que tudo o que ele pregava estava certo. Será muito difícil compreender isso?"; e os comentários favoráveis ao artigo em que expressa que "não quis falar o português claro por educação, mas a verdade é que Chico Xavier foi um dos maiores charlatões que já existiu no nosso país"; e também pela propaganda "Católico não assiste à TV Record".

    Vc(s) diz(em) que o "catolicismo surgiu do seu Fundador, o próprio Jesus Cristo". Não sei se esta afirmação "está fundamentado em sólida pesquisa histórica e traz as devidas fontes documentais", como você(s) tanto preza(m).

    "Demonstrando perfeitamente que Chico Xavier para o senhor é um mito e um ídolo": a primeira questõa que me vem à mente é a de todo aquele que não é católico "ídolo como os católicos o fazem com os santos?".

    Lembrei-me agora da Campanha da Fraternidade de 2000 - "Felizes os que promovem a paz", uma campanha de cunho ecumênico.

    Veja(m) que interesse o artigo do Pe. José Bizon - http://www.missiologia.org.br/cms/ckfinder/userfiles/files/51Aquestaoecumenicahoje.pdf

    Acho que a maior reflexão que esta matéria e todos os comentários me trouxe hoje, neste primeiro dia de 2012, é como ser missionário hoje na perspectiva ecumenista.
    "Todos seremos transformados pela Vitória de Nosso Senhor Jesus Cristo" (1Cor 15,51-58). O diálogo, com certeza, é uma das exigências da evangelização.

    Paz e Bem a todas e todos!

    ResponderExcluir
  30. Ora, Emerson, você deveria pelo menos se portar com honestidade para participar do debate, não é mesmo? "Nós, católicos", você diz???

    Amigo, você com certeza não é católico. Todo católico verdadeiro sabe muito bem o significado teológico dos santos e o seu papel na História da Salvação. Em todo o caso, muito obrigado por nos trazer o tema para um próximo artigo.

    Quanto à questão da tolerância religiosa, a resposta para a Erika com certeza serve para você também. Leia a seguir.

    ResponderExcluir
  31. Querida Erika, antes de qualquer coisa agradecemos por sua educação e bons modos no argumentar. Eu disse que existem pessoas bem intencionadas buscando Deus no espiritismo, e você por certo é uma delas.

    Mas não entendi qual a ofensa que você viu no dizer que alguém viver aquilo que prega não é garantia de que aquilo que esse alguém prega esteja certo. Isso é uma verdade tão simples e tão evidente!

    Já ouviu falar no Jim Jones? E no Charles Manson? Foram psicopatas fundadores de seitas perigosas, que foram seguidos cegamente por pessoas ingênuas. Eles também viviam aquilo que pregavam, e levaram pessoas inocentes a cometer crimes terríveis. Não, eu não estou comparando o Chico Xavier a esses homens monstruosos, mas são bons exemplos para facilitar o raciocínio. Pense bem nisso.

    Outra coisa: independente da religião e da fé de cada um, é fato que o catolicismo surgiu diretamente de Jesus Cristo. Isto é uma verdade histórica, e bem fácil de comprovar! Só não vê quem não quer. Responda: qual a única Igreja que tem dois milênios de história? Qual a religião dos santos mártires dos primeiros séculos? Em nome de quem, e por amor a que Evangelho eles entregaram suas vidas? Que Credo eles seguiam?

    Sem nenhuma dúvida a Igreja Católica teve origem em Jesus Cristo. Isto é uma verdade tão irrefutável que até os seus inimigos reconhecem. Não há como negar fatos!

    Quanto aos santos, não, eles não são ídolos para os católicos. São exemplos de santidade. Estamos preparando um artigo sobre o assunto, que é tão simples mas custa a entrar na cabeça daqueles que fazem julgamentos precipitados, sem conhecimento de causa.

    Sabe, Erika, eu estudei e frequentei espiritismo por um bom tempo, antes de encontrar o Caminho. Por isso é que eu me atrevo a analisar o assunto: eu o conheço bem, e conheço por dentro. Assisti palestras, participei de centros, fiz cursos pela FEB, li a obra completa do Kardec, do Xavier e de muitos outros. Só não me tornei escritor de livros "psicografados" (oferta que me foi feita) porque me recusei a mentir dizendo que algum "espírito" ditava meus textos... Isso era tudo que eu tinha que fazer para ter minhas obras publicadas. Recusei, porque a minha consciência não me permitia mentir dessa maneira.

    Por último, ser tolerante não é aceitar tudo, dizer "amém" para tudo, achar que tudo está certo e deve ser considerado como verdade. Por acaso Jesus foi tolerante para com os falsos fariseus e os hipócritas? Como ele realgiu quando viu o Templo tomado por vendilhões, que faziam da Casa de Deus uma casa de comércio? Acaso ele disse “tudo bem, façam o que quiserem, pois é tudo da lei”?? Não. Quem disse essa frase foi o satanista Aleister Crowley. Entende isso?

    Jesus condenava o erro abertamente, onde o encontrava. Chamou os fariseus de hipócritas e os falsos judeus de “raça de víboras”. Expulsou os vendilhões a chibatadas.

    A Verdade não tolera a mentira, nem pode conviver com ela, porque as duas são incompatíveis, são antagônicas. Se a Verdade aceita a mentira, então já não é mais verdade.

    Rezamos por sua vida, desejando-he as melhores bençãos e a Luz e a Liberdade que somente Nosso Senhor Jesus Cristo pode oferecer.

    Henrique Sebastião

    ResponderExcluir
  32. Caro Henrique Sebastião,

    Estou adorando dialogar com você.

    Leio a revista, acesso o blog e, desde que faço isso, este foi o artigo que considero ter mexido mais com as pessoas.

    Não, não sou espírita.

    Não, não sou evangélica.

    Venho de uma tradição católica, mas é verdade que não sou uma fiel praticante.

    Sou sim uma apaixonada da mensagem de Nosso Senhor Jesus Cristo.

    Acredito que o verdadeiro sentido está em nosso relacionamento com a Trindade e com o próximo.

    "Eu vim para que todos tenham vida, e vida em abundância".

    Por isso que insisto que veja o artigo do Pe. Bizon. E também fico com minha crença de que a afirmação "o catolicismo surgiu do seu Fundador, o próprio Jesus Cristo" não está fundamentada em sólida pesquisa histórica, até porque fui uma estudiosa da História e das Ciências Sociais. A Igreja Católica teve origem em Jesus Cristo (assim como outras igrejas de fé cristã, porque a crença em Nosso Salvador as originou), mas Jesus Cristo não fundou a Igreja Católica.

    E reforço a reflexão que se faz necessária: como ser missionário hoje na perspectiva ecumenista.

    Um abençoado Ano Novo para você, sua família e toda a equipe da Voz da Igreja.

    Abraço!

    OBS.: acho que esse artigo ainda vai dar muito "pano pra manga"...

    ResponderExcluir
  33. Chico Xavier foi a maior antena psíquica (depois de Jesus), que
    já encarnou na terra.
    Com todo o respeito , mas a grande maioria dos católicos ( os evangélicos então, nem se fala)
    opinam sobre o espiritismo e sobre o Chico sem nenhum conhecimento de causa.
    Leio eventualmente críticas de católicos e evangélicos que beiram o ridículo.
    Bom, para quem acredita em céu e inferno (penas eternas) e na infabilidade Papal, dizer o que?

    ResponderExcluir
  34. Bom, Erika, pelo que entendi, você está ainda na busca pela Verdade, assim como eu estive a minha vida inteira, até encontrar a Igreja. – Falo da verdadeira Igreja: a Igreja que eu ainda não conhecia, pois meus pais católicos me levavam à Missa desde criança, porém eu nada entendia. Precisei dar a volta ao mundo para encontrar o Tesouro que estava no meu quintal. - Frequentei muitas e muitas religiões, filosofias e seitas para descobrir que a Verdade que eu tanto buscava estava na religião da minha infância!

    Então, no momento atual, religiosamente falando, você não é nada! - Digo com todo o respeito, porque também eu estive nesta situação a maior parte da minha vida, como acabei de dizer. E pelo menos você é franca: não é crime nem pecado não ter religião quando se está numa busca sincera por Deus. Importante é assumir. Pior são as pessoas que frequentam espiritismo, candomblé e umbanda e juram que são “católicas”. Estas são o pior “queima-filme” da Igreja!

    Mas quando digo que encontrei a Verdade, entenda-se que não estou com isso afirmando que já sei tudo e não preciso buscar mais nada. Eu continuo na busca pela Verdade, que é eterna, pois a Verdade é Deus, e Deus, sendo Infinito, jamais será plenamente compreendido por nós, seres humanos, a partir do nosso intelecto limitado. O finito não pode compreender o Infinito, nem contê-lo, nem resumi-lo ou explicá-lo plenamente. Por isso, essa busca pela Verdade, esse aperfeiçoar do conhecimento das coisas de Deus, nunca cessa nem nunca cessará, enquanto estivermos neste mundo. Quanto mais aprendemos, mais temos a aprender.

    Mas o que eu encontrei, acima de qualquer dúvida, foi o Caminho, que é Jesus Cristo. E hoje sei, também acima de qualquer dúvida, que este Caminho deve ser trilhado na Igreja que Ele deixou, por mais complicado que muitas vezes seja isso.

    Como eu tenho tanta certeza disso? Bom, Nem tudo pode ser contado neste blog, querida Erika, por uma série de razões. Mas posso dizer que, quando você busca com toda a sinceridade da alma, colocando Deus sobre todas as coisas, tendo como "prioridade zero" conhecer a Verdade, essa Verdade se revela a você, cedo ou tarde. Às vezes revela-se miraculosamente, com Sinais que não podem ser refutados. E isso aconteceu na minha vida.

    (Continua...)

    ResponderExcluir
  35. (...Continuação)

    Eu também já fui um defensor ardoroso do espiritismo, já fui amante do "ecumenismo", achava o Chico Xavier o máximo... Mas o verdadeiro ecumenismo, como eu falei antes, não é aceitar tudo, achar que tudo é certo. Se o Chico Xavier nega tudo aquilo que Jesus Cristo ensinou de mais profundo, eu não posso acreditar em Jesus Cristo e em Chico Xavier ao mesmo tempo. - Ou eu jogo o Evangelho fora e fico com os livros do Kardec, ou o contrário. Não dá para acreditar nos dois, porque um contraria o outro. Jesus Cristo ensinou categoricamente a Ressurreição, que é uma coisa COMPLETAMENTE diferente e oposta à reencarnação. Ele disse ao bom ladrão: "Hoje mesmo estaremos juntos no Paraíso". Ele não disse "Amigo, você vai reencarnar muitas vezes e um dia nos encontraremos". Jesus ensinou que Deus nos perdoa GRATUITAMENTE, sem precisarmos ficar reencarnando para "evoluir". Se assim fosse, para quê o Sacrifício de Cristo na cruz?? Mas este é só um exemplo. A disparidade entre o cristianismo e o espiritismo são tão grandes, tão imensas, que é mais fácil você, se tiver interesse, ler este post, para começar: Católico e espírita?

    Aí você encontra uma série de calúnias e mentiras perniciosas contra a Igreja, perpetradas por quem? Um “espírito de luz”?? O “santinho” do Chico Xavier? Fala sério...

    Quem quer encontrar a Verdade não pode ter ídolos inatacáveis, Erika, e foi exatamente isso que fizeram com a figura do Chico Xavier. Este artigo mesmo, que você está comentando e dizendo que “mexeu” tanto com as pessoas, veja bem: este não faz nada além de apresentar fatos, e mesmo assim vem muita gente aqui refutar esses fatos com indignação, falando palavrões, escrevendo ofensas grosseiras que somos obrigados a deletar! Você entende que isto é idolatria?

    Eu posso admirar a figura do Chico Xavier que sempre é mostrada nos filmes e especiais da rede Globo, por exemplo. Ele é sempre mostrado como um grande homem, um “santinho”... Mas se eu vou aprofundar a minha pesquisa e descubro que ele enganava as pessoas, que era sócio de charlatões, que foi desmascarado várias vezes, inclusive por seus próprios parentes e pelo Waldo Vieira, o cara que trabalhou junto com ele por anos... Responda-me com sinceridade, qual a deve ser reação de uma pessoa séria, nesse caso? Revoltar-se, xingar quem está trazendo as informações? Ou repensar suas convicções?

    Se a pessoa não considera os FATOS, isto é, as VERDADES que estão sendo apresentadas, mas continua irracionalmente presa à crença de que Chico Xavier era um santo, e sai ofendendo quem pensa o contrário, mesmo que haja PROVAS do que está sendo dito, como chamar isso? Isso é IDOLATRIA! É o mesmo que fazem com o Edir Macedo, um criminoso notório, mas que é seguido por uma multidão de ingênuos.

    Idolatrar uma pessoa é fechar os olhos para os defeitos e só ver qualidades, qualidades essas que muitas vezes nem existem!

    Quanto ao artigo do padre que você me recomenda, eu já conheço. Sem entrar em detalhes, a Igreja está repleta de padres e teólogos que abraçam ideologias contrárias à verdadeira fé católica. Nas universidades católicas, até as aulas de Teologia, hoje, estão sendo dadas por padres marxistas-ateus! Falo com conhecimento de causa.

    Nada tenho contra uma postura liberal e ecumênica dentro da Igreja, porém insisto: se a Igreja não preserva a Verdade, se compactua com a mentira, então ela não cumpre o seu papel.

    Por fim, perdoe-me se me permiti tratá-la com um pouco de irreverência neste comentário, Erika, mas achei que poderia fazê-lo, já que não somos mais completamente estranhos um ao outro. Ao menos não virtualmente. Gostaria muitíssimo que você e outras pessoas de boa índole abrissem os olhos e percebessem o engano terrível que representa o espiritismo. A Paz e a Luz de Nosso Senhor sejam sobre a sua vida.

    Henrique Sebastião

    ResponderExcluir
  36. Henrique, não fale do que não conheces. Chamar o Chico de charlatão é passar recibo de ignorância. É triste ver pessoas fanatizadas como tu defendendo idéias que te foram levianamente
    repassadas. Todas, absolutamente
    todas as acusações feitas contra
    o Chico foram desmascaradas.
    O maior escândalo que tentaram envolver o Chico nos anos 70 , amplamente divulgado numa extinta e famosa revista , foi desmentido pelo próprio repórter
    acusador , uns 10 anos depois que moído de remorso confessou que foi movido
    pela fama e destaque que (infelizmente) conseguiu.

    ResponderExcluir
  37. Anônimo, eu falo do que conheço. Pela milésima vez, eu repito: tudo o que está exposto neste artigo são FATOS CONCRETOS. Não se trata da minha opinião ou da opinião do blog: são FATOS. E contra fatos não existem argumentos.

    Agora, se você insiste que eu não conheço, eu posso lhe apresentar o depoimento do Waldo Vieira, um dos homens que melhor conheceu o Chico Xavier: os dois trabalharam juntos e conviveram intimamente por anos. Note que a página indicada abaixo é espírita! Os próprios pesquisadores do espiritismo reconhecem que Chico Xavier foi um charlatão que fraudava psicografias e fenômenos mediúnicos:

    Leia: Waldo Vieira responde a dúvidas sobre fraudes de Chico Xavier

    A verdade às vezes dói, anônimo, mas é preciso aceitar a verdade. Jogue fora suas ilusões e procure o verdadeiro caminho deixado por Jesus Cristo. Acredite: ele passa longe de consultas com espíritos e ídolos fabricados pela rede Globo de televisão.

    Que a Luz de Cristo brilhe sobre a sua vida.

    ResponderExcluir
  38. . Cheguei a este site através do depoimento do ex-pastor convertido que tinha no site do TIBA (Canção Nova).
    Muito bom o artigo, os comentários e principalmente as respostas dadas, é muito bom saber que temos católicos zelosos por nossa amada Igreja... (estou até agora, 6 da madrugada lendo os comentários )Paz e benção...

    Ps: Gostaria de saber se tem algum artigo sobre maçonaria neste site....

    ResponderExcluir
  39. A Paz de Cristo, Sandro Marcio Ströher!

    Agradecemos pelos elogios e ficamos felizes em saber que a leitura deste blog lhe foi interessante. Trabalhomos com amor e fé, unicamente para a instrução do povo e a maior Glória do Nome do Senhor Jesus.

    Até o presente momento não publicamos a respeito do assunto maçonaria. Um abraço fraterno em Cristo.

    ResponderExcluir
  40. Henrique, seja qual for a "acusação" que tu me apresentares
    à cerca do Chico eu já conheço.
    Estudo a vida e a obra deste homem há 27 anos ( mais precisamente há 26 anos e 8 meses). Quanto ao Dr. Waldo Vieira, só mesmo quem não conhece a história dele para dar
    crédito à sua falácia.
    Ele jamais conviveu bem com a idéia de sendo um médico, um cientista, ter MUITO menos conhecimento e carisma do que um semi analfabeto(Chico).Corrompeu-se
    e foi ganhar (muito ) dinheiro com projeciologia, que nada tem a ver com Espiritismo.É um notório mau caráter que só enriqueceu o Espiritismo quando dele se afastou...

    ResponderExcluir
  41. Anônimo, Chico Xavier é para você um ídolo. Ele flutua em sua psique como um símbolo de perfeição, inatacável; o arquétipo irretocável do justo, do bondoso, do anjo amigo que veio para aliviar os sofrimentos da humanidade...

    "Não importa qual seja a acusação", você diz. Sim, não importa a acusação. Não imnportam as PROVAS, não importam os FATOS que COMPROVAM a desonestidade e a falsidade dos alegados poderes deste homem. Enquanto você permanecer nesse estado mental, Chico Xavier permanecerá intocado, acima do bem e do mal.

    Mais de 20 anos estudando Chico?! Lamento. Só posso dizer, com toda a honestidade, que lamento essa enorme perda de tempo. Perdeu-se a oportunidade de estudar temas muito mais frutuosos.

    Que Deus lhe conceda discernimento.

    ResponderExcluir
  42. Para quem questionou aí atrás, - sem nenhum conhecimento de causa, - a respeito de ser o Papa infalível: leia este artigo e entenda a questão. Devo adverti-lo(a), porém, que depois de ler, você terá uma arma a menos para atacar a Igreja.

    Bom, mas ainda vai restar falar sobre a Inquisição (ops! Acho que também já esclarecemos essa aqui), a "idolatria" das imagens (esse é tão recorrente que já escrevemos uma coleção de artigos a respeito: veja aqui).

    Mas você mencionou ainda o absurdo de crer em penas eternas, Céu ou Inferno. Já falamos sobre isso também, mas não explicitamente, abordando a questão diretamente. Boa dica para um próximo estudo. Um abraço fraterno.

    ResponderExcluir
  43. Gente,quando se fala de Chico Xavier e os espiritismos diversos, Álvaro Thais (o tal Inri "cristu"), Testemunhas de jeová, mormons e seu profetinha Joseph Smith Jr., adventistas em geral e suas advinhações, Maomé e sua turma do islã, bundismo, tuuuudo, mas tuuuuuuuuuuuuuuuuuudo perda de tempo com que eles andam perdendo. Vá me cheirando, ahhh, esqueci dos neo-pentecostais.
    GERALDÃO O GALÃO

    ResponderExcluir
  44. A discussão sobre religião quando desacompanhada de verdadeiro espírito de humildade e necessária neutralidade e racionalidade, torna-se improfícua e estéril.
    Na leitura das postagens acima percebe-se claramente a vaidade e a paixão irracional quer de quem se declara católico, espírita ou credor de qualquer religião.
    Se perguntarmos para um ateu quem foi Jesus Cristo, o que ele responderia? Certamente diria que foi um homem revolucionário em seu tempo e que por enfrentar o sistema predominante à época foi morto. E que seus seguidores, como comumente ocorre quando da morte de seu lider, proclamaram seus feitos de forma a buscar eternizá-lo historicamente.
    Imagimem nós todos à época,não teriamos participado da crucificação de Jesus Cristo?

    Peço perdão àqueles que se sentirem ofendidos, mas não acredito em verdade absoluta, declara-se dententor desta me parece arrogância.
    Cada religioso fundamenta seu ponto de vista com base nas escrituras para ele tida como sagradas e como verdade, em verdadeiro dogma de fé.
    Assim acontece com os livros que compõe a doutrina espírita e a doutrina católica/critã.
    Realmente os livros espíritas podem ter sido escritos por grandes intelectuais que buscaram moldá-los a seus interesses e convicções.
    No entanto, a própria bíblica em sua codificação não espou imune ao contexto político e situacional da época.
    Qual foi o critério usado para codificaçao de seus textos? Quem determinou quais seriam os evangélios que iriam compô-la e quais não seriam inspirados verdadeiramente pelo Espírito Santo (evangélios apócrifos)? Por que Jesus não deixou nada escrito de seu próprio punho?
    Ademais, em indagações que nenhuma religião até hoje conseguiu provar, na concepção dos materialistas, pergunta-se: Deus realmente exite? Se existe, por que não deixou de forma clara e inequívoca para todas as nações um único texto sagrado? Por que necessitamos, na visão não reencarnacionista, passarmos pela terra para tentados e testados nela morrermos em tenra ou avançada idade? Seria então Deus uma criatura sarcástica que gosta de realizar experimento com sua criatura? Tal pergunta serve tanto para reencanacionistas como para não reencarnacionistas.
    Quando da época de Moisés e de Jesus Cristo, nos mais longincuos cantos da terra, entre eles podemos citar o próprio Brasil, viviam povos que só séculos mais tarde receberia a mensagem de Moises e de Cristo. Por que Deus os teria privado por tanto tempo de sua verdade? Seriam os povos do oriente privilegiados por Deus?
    Qual a necessidade de experimentarmos uma vida carnal para depois voltarmos a Deus?
    Todas as perguntas deste texto, com a mais absoluta certeza, seriam respondidas pelos mais diferentes enfoques e fundamentações a depender da convicção religiosa de quem se dispusesse a respondêlas.
    Então, quem estaria certo e quem estaria errado?
    Não tenho aqui a pretensão de desqualificar qualquer profissão de fé, caso contrária, padeceria também de inegável arrogância.
    Acredito apenas que Deus em seu amor infinito e misericórdia infinita nos ama a todos de idêntica forma, e se julgara cada um de acordo com o seu entendimento, levando-se em conta a grande ignorância que nos acomete a todos.
    Por fim, barabenizo todos os debatentes, ressaltando que ninguém é melhor ou pior do que ninguém, e que ninguém ou nenhum grupo detêm a verdade como propriedade sua. Não esqueçamos que a história nos demonstra que as maiores atrocidades cometidas pela humanidade tiveram início em concepções de superioridade e verdade de um grupo dominante, entre elas a própria crucificação de Jesus Cristo.
    Paz e bem a todos!!!

    Chico Xavier pode ter sido uma fraude? Talvez.
    A igreja católica padeceu e padece por inúmeras escandâlos desde sua fundação? Sim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado anônimo,

      Onde foi que o senhor encontrou falta de "humildade", "paixão irracional" e "vaidade" nesta postagem exclusivamente informativa? O que poderia ser mais "neutro", na abordagem de qualquer assunto, do que citar informações verídicas, acompanhadas das devidas fontes e citações bibliográficas? Foi exatamente isto o que fizemos.

      Respondendo a parte seguinte do seu comentário, e falando o português bem claro: o que tem a ver a opinião de um ateu a respeito de Cristo com este artigo que o senhor comenta??

      O senhor acha que os livros espíritas podem ter sido escritos por grandes intelectuais?? Não... Grandes intelectuais jamais escreveriam tantas bobagens quanto as que encontramos nos livros espíritas. O "Livro dos espíritos", por exemplo, contém uma série de absurdos tão tremendos que homem de ciência algum perderia um minuto com ele: além de incitar o racismo, entre outras coisas, afirma que existe uma civilização muito evoluída vivendo “encarnada” em Marte! Na época em que esse livro foi escrito, as pessoas eram bem mais ingênuas do que hoje, e não havia como saber o tamanho deste e de outros grandes disparates. Hoje, a realidade é diferente. Também não precisamos de mais do que alguns minutos para constatar que o "Evangelho segundo o espiritismo" não passa de uma coletânea de deformações dos textos originais dos Evangelhos, um verdadeiro crime contra o cristianismo e uma demonstração clara da desonestidade intelectual do autor.

      Compreenda bem: se o senhor não crê em verdades absolutas, é direito seu, embora eu precise adverti-lo de que isto é um contracenso completo. Vou citar uma verdade absoluta agora mesmo: o senhor é alfabetizado: se não fosse, não teria como escrever o seu comentário. Pronto! Falei uma verdade absoluta!

      Sim, verdades absolutas existem, tenha certeza disso, assim como existem verdades que só compreendemos por meio da fé. Que a vida real de Chico Xavier está muito distante daquele personagem angelical e praticamente perfeito apresentado nos açucarados romances globais, e que deixou inúmeras e concretas evidências de charlatanismo, eis aí outra verdade absoluta. É somente isso que o texto que o senhor está comentando demonstra, nada mais.

      O senhor procura se colocar numa posição de neutralidade mas fala em "codificação" de textos?? O que viria a ser isso, exatamente? Ora, trata-se de um jargão espírita, usado para chamar aquela "salada" que Kardec, aliás Rivail, fez ao misturar hinduísmo com cristianismo.

      O senhor pergunta quem determinou quais livros da Bíblia seriam canonizados? Simples! A Igreja, edificada neste mundo pelo Senhor Jesus Cristo em pessoa, quem mais? A mesma Igreja à qual os mesmos textos bíblicos se referem como “coluna e fundamento da Verdade” neste mundo.

      A seguir, o senhor se perde em uma enxurrada de indagações filosóficas a respeito da existência ou não de Deus, princípios religiosos diversos, etc, etc... E conclui, ao final de tudo, num absoluto mar de relativismo: "ninguém sabe nada, ninguém pode saber de nada, tudo é relativo, tudo depende, existem muitas opiniões e ninguém pode dizer qual a certa" ... Bem, não sei se o senhor reparou, mas este é um blog cristão católico. Partindo desta constatação óbvia, é fácil notar que suas conjecturas estão deslocadas e desprovidas de qualquer sentido.

      E para finalizar o festival de devaneios sem propósito, chave de ouro! Claro, o caminho mais fácil: mudar o foco do assunto. Tentar “livrar a cara” de um desviando a atenção para um outro problema, que nada tem a ver com o assunto tratado.

      Deus o ajude! Rezamos por sua vida.

      Henrique Sebastião

      Excluir
    2. A defesa dos fracos é a acusação!
      A igreja catolica como todas as outras religioes,é composta por "homens" que são passiveis de erros, no entanto a questão a ser discutida com total respeito são apenas os fatos apresentados nesse texto, que em momento algum veio para ofender apenas para informar, no entanto, as opiniões são respeitadas, dede que se tenha bom senso, e um intelecto apurado para saber ler, interpretar, retirar o importante, criticar se necessário for, mas de uma forma que não desmereça quem o fez com ofensas.

      Excluir
  45. Eu vou dizer o mesmo que Gamaliel disse a Paulo de Tarso quando ele se preocupou irracionalmente em destruir os Cristão.
    "Se o Cristianismo for algo ruim e mentiroso, não se preocupe, o tempo se encarregará disso". O que vemos hoje? O Cristiano é algo bom e correto.! Não é mesmo.?!? Então meus irmãos não vos preocupeis em defender ou atacar algo. Logo o tempo dirá quem esta certo. Mas, ai daquele de quem vir o escândalo, porque, se no futuro for comprovado que Chico foi um discípulo do Cristo, esta notícia se tornará a maior mentira de todos os tempos. Não ataqueis as pessoas sem ter absoluta certeza. Você já leu todos os livros já procurou conhecer tudo. Se Paulo de Tarso tivesse feito isso não teria perseguido e apedrejado Estevão, e como ele mesmo disse tenho um espinho em minha carne, ou seja um grande remorso de ter feito tudo errado até que Jesus o fez cair do cavalo.

    A.M.C

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se preocupe, Klepersil. Não há a menor possibilidade de Chico Xavier ter sido um discípulo de Cristo. E se por acaso ele fosse, ainda assim eu teria um milhão de "reencarnações" para corrigir esse meu "ataque", esse grande "julgamento" que eu fiz, ao publicar alguns fatos públicos e comprovados sobre a vida do homem que virou mito.

      E já que você citou São Paulo, permita-me concluir com as palavras do próprio:

      "Ainda que um anjo do Céu vos anuncie outro Evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema. Novamente vos digo: se alguém vos anunciar outro Evangelho além do que já recebestes, seja anátema.

      Acaso procuro o favor dos homens, ou o de Deus? Acaso tenho interesse em agradar aos homens? Se quisesse ainda agradar aos homens, não seria servo de Cristo. Mas faço-vos saber, irmãos, que o Evangelho que por mim foi anunciado não é segundo homens.

      Não o recebi nem aprendi de homem algum
      (vivo ou morto), mas pela Revelação de Jesus Cristo (que é Deus)." (Gálatas 1,8-12)

      Pois é... Deus o ilumine e guarde.

      Henrique Sebastião

      Excluir
  46. Tudo que eleva o homem é valido, o que condenável é a implicação mútua que está havendo aqui, esclareça as pessoas sobre sua própria doutrina, não a alheia. Faça sua parte, ninguem sabe realmente o que é certo. Então confie em Deus e trabalhe no bem, esse blog não está ajudando, só criando desavenças. Fale sobre você não do próximo.... - Meu nome é Gyovanna (espírita), respeito você dentro do que acredita, o que Xico fez ou deixou de fazer é problema dele com Deus, O importante é a benfeitoria que o exemplo dele e se outro como o Papa João Paulo, Madre Tereza inspiram. Pensem nisso.

    ResponderExcluir
  47. Efésios 5, 11 " Não tenhais cumplicidade nas obras infrutíferas das trevas; pelo contrário, condenai-as abertamente"

    Nesse post não há nada de invenção, o que está apresentado aqui são fatos e não opiniões!

    São Francisco de Sales, grande místico e amigo de Nosso Senhor, que ensinou a falar mal dos hereges:

    “Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa, desde que não se falte à verdade, sendo obra de caridade gritar ‘eis o lobo!’ quando está entre o rebanho ou em qualquer lugar onde seja encontrado”. (Filoteia, Cap. XXVIII)

    ResponderExcluir
  48. Caros irmãos;
    Sou espirita e não quero criticar nem ofender ninguém,mas vejamos, porque alguém que renunciou todo o seu dinheiro, todos os seus bens materiais e toda vez que era contradito, ofendido ou julgado se calava e rezava e NUNCA EM SUA VIDA OFENDEU ALGUÉM,olhem para si,é necessário ofender ou desmentir alguém para provar que a sua religião é a melhor?A melhor religião é a religião do amor, que faz mais homens de bens e menos hipócritas,ou seja , NÃO IMPORTA A RELIGIÃO DESDE QUE ELA FAÇA COISAS BOAS É ISSO QUE IMPORTA! Não adianta sair ofendendo pessoas só porque não concorda com elas! E NÃO ADIANTA JULGÁ-LAS JÁ QUE NÃO AS CONHECE! SE QUER JULGAR CHICO FAÇA MELHOR QUE ELE ,RENUNCIE AO DINHEIRO,AS ACUSAÇÕES, À EXPOSIÇÃO DAS PESSOAS QUE RESOLVERAM DEFENDER ESTE CÉLEBRE HOMEM E NÃO JULGUE OUTRAS PESSOAS SEM AS CONHECER PESSOALMENTE.Não adianta vcs terem fatos se não temos os fatos que estes fatos são reais,se um dia vcs quiserem ir para o céu não adiantam rebaixar outras pessoas para atingir este objetivo mais rápido. Lembremos,não adianta apontar os defeitos dos outros sem mudar antes à nós mesmos.De uma jovem espirita de 12 anos, Clara E.l.
    que Deus lhes abençoe e tenham um bom dia de reflexão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um espírita não é irmão de um cristão, uma vez que crê em algo totalmente avesso ao cristianismo.

      Excluir
    2. Claro que não é necessário ofender, anônimo espírita,

      Por isso mesmo, não estamos ofendendo ninguém em nosso artigo. Agora, quando citar passagens comprovadamente reais da vida de uma pessoa é ofensivo para alguém, alguma coisa está muito errada aí.

      O problema é que além do lado romanceado e fictício da vida de Chico Xavier, - aquela visão piegas que sempre é mostrada nos filmes e nos especiais da TV Globo, - existe também todo um lado vergonhoso e até criminoso na vida dele, que por sinal é muito mais real do que o que mostram os filmes que fazem a sua apologia.

      Eu só estou mostrando este outro lado, - que, insisto, é REAL, - para o bem das almas. Observe que estou citando as minhas fontes, não estou inventando nada nem jogando palavras ao vento. Então, de posse dos fatos, cada um escolhe no que quer acreditar. Isso é justo.

      Sem ofender, permita-me mostrar-lhe o desespero do seu comentário, na sua tentativa de defender o indefensável: "Não adianta vcs terem fatos se não temos os fatos que estes fatos são reais..." - ?!?

      Como é que é?? O que você quis dizer, exatamente, com isso? Consegue perceber o desespero dessa sua frase? Você está tentando tampar a luz do sol com uma peneira, está tentando negar o inegável...

      Uma última observação: o fato de alguém ter sido humilde e ter vivido aquilo que pregou não é atestado de que aquilo que ele pregou estava certo. Entenda isso.

      Obrigado pelo comentário.

      Excluir
    3. Respeito sua opinião, mas por educação, com ofensas, retornaremos a idade da pedra.
      Se você acredita no espiritismo,viva sua fé, mas saiba apreciar um trabalho bem escrito de alguém que apenas pesquisou sobre um determinado assunto e trouxe fatos sobre ele.
      A pessoa munida de fé não precisa criticar, algo que se retrate sobre aquilo que acredita, apenas le, retira o que é importante e se não for, descarta, pois informações recebemos a todo instante depende de nós aprender com elas ou não.

      Excluir
  49. Caro lucas,
    por acaso já estudou o espiritismo? vejais O espiritismo tanto crê em Jesus cristo tanto quanto para nós cristo é um exemplo prático que devemos seguir ! E esta contrariando o próprio cristo dizendo que não é irmão de uma pessoa só por causa das religiões! Clara e.l.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E se é pela GRAÇA, já NÃO O É pelas obras; de outra maneira, a GRAÇA cessaria de ser GRAÇA. (Romanos 11,6)

      Eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita o bem, porque o querer o bem está em mim, mas não sou capaz de efetuá-lo. (Romanos 7,18)

      Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim NADA podeis fazer. (São João 15,5)

      Como um espírita acha que querer é poder? Ir para o céu, sem a graça de nosso Senhor Jesus Cristo que produz a salvação?

      “Se você acredita no que você gosta no Evangelho e rejeita aquilo que quiser então você não acredita no Evangelho mas em si mesmo”. – Santo Agostinho

      O fato é que o espiritismo não é cristão. Usurpam de certas partes da Escritura enquanto outras rejeitam, fora quando mentindo caluniam que a Igreja inventou certas partes da Sagrada Escritura. Não creem na divindade de Jesus, como os primeiríssimos cristãos, não creem que o sangue de Jesus purifica de todo pecado... Se é que acreditam em pecado... Achando que podem ser "salvos" pelas próprios atos... E não crendo que Jesus é o ÚNICO Filho de Deus, não crendo que quando somos feitos novas criaturas se começa a FAZER PARTE DO CORPO DO ÚNICO Filho de Deus que é Jesus, então não dá para ser chamado de cristão, e fica difícil ter a filiação divina que vem através de Cristo Jesus, podendo assim ser chamado de filho de Deus em Jesus...

      Jesus não veio simplesmente "dar exemplo"... Ele veio na plenitude dos tempos ao encontro do homem, para salvá-lo.

      http://firmatfides.wordpress.com/2012/05/23/um-espirita-e-ou-nao-cristao/

      Para maior glória de Deus,
      Lucas.

      Excluir
  50. Só digo uma coisa: SÓ DEUS pode apontar erros, julgar e condenar.

    Se Chico Xavier era errado, quem há de apontar seus erros e julgá-lo é apenas e tão somente Deus, o único juiz com direito reconhecido. O resto é embuste. (Atente-se para o fato de que ele nunca cometeu um crime, tampouco deixou de pregar a caridade e o amor ao próximo).

    ResponderExcluir
  51. Aliás, vamos falar também sobre os escândalos de pedofilia dentro do seio da Santa Madre Igreja, números estarrecedores de estupros de menores cometidos por membros ilibados e pregadores da palavra de Deus...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ERRADO. Todos nós somos dotados de inteligência e discernimento do que é certo e do que é errado. É nosso dever alertar sobre as ciladas e os caminhos de perdição, onde quer que se encontrem.

      Padres pedófilos? É um problema muito sério, sem dúvida. Mas sobre isso a mídia já se encarrega de falar, e muito. E nós também já falamos sobre isso, sim, é só procurar neste blog que você acha. Já sobre o lado podre do Chico Xavier, praticamente ninguém fala.

      E o que tem uma coisa a ver com a outra? Quer dizer que no seu pensamento, porque existem padres pecadores, o Chico Xavier deve ser considerado um "santo", mesmo com todas essas PROVAS de que ele foi um charlatão???

      Henrique Sebastião

      Excluir
  52. Admirável este blog. Bastante esclarecedor. Como católico sempre repudiei o espiritismo e qualquer outra seitas e religiões que negam a divindade de Cristo. É impressionante a hipocrisia de tantos que exigem do católico respeito aos seus ideais ao mesmo tempo que atacam nossa Igreja com blasfêmias e acusações diversas, como se os próprios fossem santos.Claro que em nossa Igreja existem pessoas que pecam, mas isso não dá o direito de nossos opositores estarem corretos. Entendam de uma vez por todas: A Igreja Católica Apostólica Romana foi,é e será a Igreja de Cristo.

    ResponderExcluir
  53. Lendo os comentários, verdadeiros debates, me impressona a forma como os adversários da Santa Igreja exigem respeito aos seus ideais ao mesmo tempo que rechaçam qualquer coisa que venha a enaltecer a Igreja de Cristo. Por que criticar os católicos por venerar os santos se, ao mesmo tempo, idolatram um charlatão? Negam a infalibilidade do papa, que tem a ação do Espírito Santo a seu favor, e endeusam Chico? Outras seitas não são apostólicas por não aceitarem a tradição dos apóstolos mas fabricam seus apóstolos em seus quintais? Acusam a Igreja de colecionar tesouros mas seus pastores possuem contas milionárias nos paraísos fiscais? Não dá pra segurar um debate assim. E pra finalizar: desde quando falar a verdade é ser fanático? Quem não concorda com a Igreja Católica logo rotulam-na de radical. Claro que somos radicais, temos raízes em Cristo Jesus. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

    ResponderExcluir
  54. Também repudio com toda minha inteligência o espiritismo. È amar delírio. Pobres pessoas desesperadas por quererem explicar coisas que não entendem, e nos apresentar fábulas.Do espiritismo libera nos domine.Maria Santíssima Mãe do meu Senhor rogai por nós que sempre recorremos a vós. Amém.

    ResponderExcluir
  55. Meus irmaos catolicos se assim posso chamar?sou do vale do amanhecer ,mas vejo o seguinte todos q fazem o bem ao proximo sao seguidores de cristo,sao francisco,madre teresa ,chico xavier,e milhares de anonimos no mundo independente de crenca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido anônimo,

      Num certo sentido, somos sim todos irmãos, enquanto criaturas do mesmo Deus.

      Mas compreenda que disseminar uma doutrina falsa não é "fazer o bem ao próximo". Iludir as pessoas, mesmo que seja com boa intenção, não é seguir Jesus Cristo. Isto é que faz a diferença entre "Fé" e "crença".

      Deus o ilumine

      Henrique Sebastião

      Excluir
    2. Bem amigo se uma doutrina e falssa ou nao vc nao tem provas ,porque vc nao usa sua sabedoria pra aprender a respeitar religiao dos outros , quem vc penssa q e pra falar de chico xavier ,vc ta confudindo as coisas deus jamais que isso q vc ta fazendo ,caminha na tua fe sem agridir niguem .pois o ser humano so evolui quando deixa de falar mal do proximo,niguem tem o direito de apontar erros de outros,procure ver o lado bom das pessoas e nao evidencia seus erros.

      Excluir
    3. Olá, anônimo.

      Sim, nós (do apostolado Voz da Igreja) respeitamos a opção religiosa de cada um, e o direito que todos têm de fazer escolhas. Mas, para respeitar, não temos que aceitar tudo calados, nem nos comportarmos como se fôssemos cegos, surdos ou mudos.

      Quem eu penso que sou? Sou uma pessoa humana, que pensa, ama, sofre, espera, aprende, luta... E sou um cidadão participante de uma sociedade civilizada. Como tal, tenho todo o direito de expressar minhas opiniões, ainda mais quando estão fundamentadas na realidade pura e simples.

      Eu, assim como qualquer cidadão honesto, tenho não só o direito, mas também o dever de apontar as falhas na sociedade, denunciar os crimes, orientando meu próximo em tudo o que estiver ao meu alcance, para o bem comum.

      Além disso, este é um blog cristão. Como cristão, eu tenho o dever de proclamar o Evangelho do Amor e da Verdade. Onde há engano, eu procuro, com muita humildade, levar a verdade. Como eu já falei muitas vezes aí atrás, este artigo não é opinativo, e sim informativo. Não estamos exprimindo a nossa opinião, nem a opinião dos católicos ou de qualquer grupo. Estamos apresentando fatos.

      Se um enganador tem um lado bom, isso não é motivo para que aceitemos o erro que ele ensina como se fosse certo. Compreende isto? Se um charlatão leva milhares de pessoas ao erro, ao engano e a um falso caminho, mesmo que ele tenha um lado bom, eu continuo tendo a obrigação de alertar a todos do perigo que seguir este enganador representa.

      Indo a um extremo, até Adolf Hitler tinha um lado bom, do qual não se fala, por motivos óbvios. Ele era um amante das artes, e um pintor muito bom; era um ardoroso patriota, defensor dos animais e grande administrador. Em pouco tempo, acabou com o desemprego na Alemanha e com uma mega-inflação de 100% naquele país. Impulsionou o crescimento econômico, industrial e científico na Alemanha, como nenhum outro líder antes dele.

      Por tudo isso e muito mais é que ele conseguiu levar toda uma importante nação a adotar a ideologia do nazismo, e incutir o ódio entre pessoas que sempre conviveram bem juntas.

      Então, será que pelo fato de Hitler ter todo um lado muito bom, isso muda o fato de que ele foi um monstro terrível e um dos piores assassinos da História? Pense nisso.

      Deus o abençoe e lhe conceda a Luz

      Henrique Sebastião

      Excluir
    4. Parabens Voz da Igreja, eu me sinto totalmente confortavel e segura com todas suas palavras e todas as respostas que eram me questionadas por muitos hereges e todas as zombarias e criticas que eu recebo nesta epoca de tanta incredulidade. Me sinto a minoria, e por eu nao ter este dom e tanta sabedoria eu nem sempre sei o que responder quando me atacam assim como estou vendo os mesmos ataques aqui contra a pagina e contra o catolicismo e a igreja.
      Enfim apenas gostaria de agradecer pelo trabalho maravilhoso, e que me ajudassem a poder responder quando me dizem que a biblia foi desmascarada, porque ela foi rescrita, modificada, e que quem a escreveu foram meros homens como qualquer um de nos.
      Quando falo em nome de Deus, Jesus Cristo, e cito a biblia como a minha verdade vou alvo destas criticas que muitas vezes eu comeco a contestar mas me canso. Poderia por favor me dar uma luz? Obrigada mais uma vez. Que Deus sempre ilumine as nossas mentes e coracao.

      Excluir
    5. Cara Marcela,

      Talvez as respostas para sua pergunta, se encontrem nesses links:

      http://padrepauloricardo.org/episodios/qualquer-pessoa-pode-ler-a-biblia

      http://www.vatican.va/holy_father/benedict_xvi/apost_exhortations/documents/hf_ben-xvi_exh_20100930_verbum-domini_po.html

      http://www.vatican.va/archive/hist_councils/ii_vatican_council/documents/vat-ii_const_19651118_dei-verbum_po.html

      É bom ler tudo, para se compreender mais sobre a Palavra de Deus, revelada na Igreja.
      Qualquer dúvida pergunte!

      Pax Domini!
      Lucas

      Excluir
  56. AVISO AOS LEITORES:

    A direção deste blog pede encarecidamente aos admiradores da figura de Chico Xavier que tomem os seguintes (mínimos) cuidados antes comentar este artigo:

    Leia o texto antes de comentá-lo;

    2º Observe os comentários já publicados e também as nossas respostas.

    É só. Muitas pessoas já entraram para dizer que estamos "julgando" o Chico Xavier, "falando sem conhecer" e coisas do gênero. Já explicamos, exaustivamente, que apresentar fatos sobre a vida de uma pessoa não é "julgar" ninguém, e sim esclarecer, e não estamos fazendo nada além disso.

    A realidade é simplesmente a realidade: tudo que o artigo faz é apresentá-la, e citando as devidas fontes, referências e fotografias documentais.

    Muitos disseram, ainda, que Chico Xavier foi um exemplo de humildade e que vivia o que pregava. Respondemos, simplesmente, que isso não é, de modo algum, atestado de confiabilidade. O fato de alguém ser humilde e praticar aquilo que prega não é garantia alguma de que aquilo que essa pessoa prega seja verdadeiro.

    Esclarecemos, por fim, que não voltaremos a publicar comentários com estas mesmas argumentações, pela simples razão de que não há sentido em nos colocarmos aqui a repetir de novo e de novo os mesmos argumentos e contra-argumentos, indefinidamente.

    A Paz e a Luz de Nosso Senhor Jesus Cristo sejam sobre todos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caros amigos da Voz da Igreja

      Desculpem-me, mas se vocês publicam suas opiniões referente a vida de determinada pessoa, inclusive usando reportagens de terceiros para suas fundamentações, mas não permitem um debate pelo menos de defesa da integridade de um homem "ímpar" como foi Chico Xavier, então, já ficou demonstrado no mínimo uma tentativa de macular tudo o que Chico Xavier representa para nós espíritas e para todos aqueles que ainda hoje são "assistidos" pelo legado deixado por ele.

      É assim que vocês desejam a Paz e a Luz de Nosso Senhor Jesus Cristo sobre todos???

      Sebastião

      Excluir
    2. Sebastião, esta deve ser a centésima mensagem que você deixa neste post, e todas com o mesmo teor e conteúdo. OK, você venceu pelo cansaço. O motivo pelo qual os seus comentários não estão sendo publicados é mais do que óbvio: ele se enquadra completamente no rol que descrevemos logo acima, em nosso aviso.

      Como percebemos, no entanto, que o senhor está completamente inconformado com a divulgação destes SIMPLES FATOS sobre a vida de Chico Xavier, resolvemos nos dedicar, mais uma vez, à cansativa e maçante tarefa de responder às mesmas questões já respondidas e esclarecidas. Lá vamos nós...

      "Usar reportagens de terceiros", no seu entendimento, seria errado? Injusto??

      Bem, na verdade é o exatamente o contrário! Quando vamos tratar de qualquer assunto importante, a maneira mais justa, correta e séria é citar as devidas fontes. Se não for assim, torna-se apenas o emitir de uma opinião pessoal, o famoso "achismo". Não é o caso deste post, que cita acontecimentos verdadeiros da vida do Chico Xavier. Não o mito fabricado, mas o homem que de fato existiu.

      Sim senhor, nós permitimos o debate aqui. Basta olhar aí atrás e verá que dezenas de pessoas já entraram aqui para "defender" o Chico Xavier, falando as mesmas coisas que o senhor. Todas as mensagens foram publicadas (as que não continham palavrões), e nós respondemos a todas elas.

      Uma observação: honestamente, não sabemos do que tentam "defender" o Chico Xavier, pois nós não o estamos acusando de nada, e sim (insistimos) apresentando SIMPLES FATOS sobre ele.

      O problema, como já esclarecemos, é ficar respondendo sempre às mesmas questões, quebrando dúzias de vezes às mesmas argumentações. Com todo o respeito, nós temos mais o que fazer. As questões que o senhor apresenta não foram publicadas, simplesmente, porque já foram respondidas. Mais de uma vez.

      Neste ponto concordamos: Chico Xavier é uma "figura ímpar", em muitos sentidos. Provavelmente, ninguém conseguiu induzir tantos ao erro, e torná-los tão apaixonadamente cegos para a verdade, na história do nosso país.

      Não queremos, e, principalmente, não precisamos "macular" a figura de Chico Xavier. Seus atos o fazem! A história da sua vida já é tão repleta de manchas, que estão aí para todo aquele que quiser ver, que não é necessário o nosso esforço para desmascarar o mito. Basta um mínimo de boa vontade.

      A grande dificuldade de pessoas como o senhor é acordar da verdadeira hipnose coletiva imposta por anos a fio pelos meios de comunicação (Rede Globo à frente), e apagar da mente essa falsa imagem de um ser puríssimo, angélico e perfeito, e abrir bem os olhos para enxergar a pessoa real, o homem que de fato existiu. Existe uma diferença gigantesca entre um e outro.

      Desejamos, sim, do fundo da alma, que a Luz de Nosso Senhor brilhe sobre todas as mentes, que dissipe as trevas do engano e permita enxergar a verdade, mesmo que, num primeiro momento, doa. Esse mesmo Cristo que não admitia o erro onde quer que o encontrasse, que denunciou a hipocrisia dos falsos mestres e não exitou em combater os pecadores, inclusive expulsando-os abaixo de chibatadas. Ser cristão não é e nem nunca foi ser "bonzinho", aceitar tudo calado, achar que tudo vale. Por termos hoje tantos cristãos "light" é que o mundo se encontra neste caos moral. Jesus nunca foi "politicamente correto".

      Abraço fraterno

      Henrique Sebastião

      Excluir
    3. A paz d Cristo e o amor de Maria estejam com vocês!
      Gostei muito desse blog, bem informativo.
      Para os editores;nada na vida vem fácil os que criticam, são apenas obstáculos a serem superados, pois a cada um vencido bençãos recaíram sobre os vencedores, que Maria a cada dia aumente a fé de voces.

      Excluir
  57. Caro amigo Henrique Sebastião,

    Com todo respeito, mas quando se posta uma notícia, mesmo que seja apenas uma simples divulgação de "teor informativo", devemos ter também, no mínimo a boa vontade de apreciarmos as opiniões controversas dos outros. Mesmo que não pactuemos com essas opiniões.

    É por isso que existe o link "Comentários", concorda?

    O que eu quis demonstrar aqui é que Chico Xavier teve muitos méritos que jamais foram ressaltados por vocês católicos.

    A Doutrina Espírita não faz Proselitismo a ninguém.

    Jamais procuramos "influenciar" quem quer que seja a se tornar espírita.

    E como disse antes, em um comentário que infelizmente não foi "aceito" por vocês é que:

    "Se apesar de toda caridade, de todo bem que nós espíritas fazemos ainda sim nos levará direto para o inferno como vocês crêem, então acredito que, o que fazem todas as outras doutrinas religiosas também não levará a nenhum caminho diferente do nosso."

    Um abraço fraterno

    Sebastião

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Sebastião,

      De nossa parte, a boa vontade para apreciar as opiniões contrárias sem dúvida existe. Basta olhar os comentários anteriores e o senhor verá a grande quantidade de mensagens enviadas por pessoas que vieram criticar, reclamar, protestar, ofender-nos, tentar mudar o foco do assunto atacando a Igreja Católica, etc... Todas foram publicadas, com exceção de algumas outras que continham xingamentos extremamente agressivos e palavras de baixo calão.

      Portanto, não faz sentido dizer que não aceitamos críticas. O que decidimos foi que deixaríamos de publicar comentários repetidos, pois como eu já expliquei diversas vezes, não há sentido em continuar repetindo os mesmos argumentos e contra-argumentos, sempre de novo e de novo, e de novo, e de novo... ad nauseam. Temos coisas muitíssimo mais importantes para fazer.

      Este post (devido à sua hercúlea insistência vou repetir mais uma vez) é sobre a verdadeira história da vida de Chico Xavier, enfocando aspectos importantíssimos que quase nunca são divulgados, e que por isso são desconhecidos do grande público. Que sentido teria falarmos sobre obras de caridade praticadas pelos espíritas, neste tópico? Nenhum.

      O problema é que o senhor ficou obcecado com este post, viu ofensas onde não existem e parece-me que está tentando convencer o mundo e a si mesmo que não acredite nas informações que ele contém. Isso não muda o fato de que todas as citações que fizemos são verdadeiras, e que é importante que as pessoas sejam esclarecidas a esse respeito.

      O Chico Xavier santo e perfeito, o "anjo de bondade", que os filmes açucarados e a mídia pintaram, é um mito fabricado. É só isso que o post demonstra. Sugiro que leia nossa resposta a um outro leitor, postada no endereço abaixo:

      http://vozdaigreja.blogspot.com.br/2003/01/chico-xavier-o-espiritismo-jesus-cristo.html

      Acreditamos que lhe será esclarecedor.

      Henrique Sebastião
      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Os cristãos, desde sempre, professaram que, apesar da magnanimidade da vocação humana, que é ser participante da natureza divina, o ser humano fundalmentalmente bom criado por Deus, ESTÁ mal, como uma das consequências do pecado dos primeiros pais.

      Ou seja, o homem não é uma doença, mas está doente. E seu estado de doença espiritual requer uma cura.

      Os cristãos sempre compreenderam que ninguém pode chegar a merecer o céu. Ninguém pode chegar a ser filho de Deus, por si mesmo, pois a natureza do homem é tão somente de criatura, e que justamente pela graça de Deus através de seu Filho, Jesus, é que chegamos a ser Filhos de Deus e participantes de sua natureza divina, nEle.

      Os cristãos nunca professaram que a alma humana é uma emanação divina (isso é heresia gnóstica), mas que a alma humana foi CRIADA por Deus.

      O cristão é ciente de que todo homem merece o inferno por si mesmo, mas que é chamado para o céu, que sua vocação é o céu, que foi feito para o céu, e que todo coração humano deseja o céu. Merecer o inferno quer dizer o seguinte: Você já pecou alguma vez? Então já merece o inferno.

      Explico: Qualquer pecado. Porque Deus é infinitamente santo, infinitamente justo, infinitamente glorioso e você não merece, nosso coração duplo por causa da concipiscência não merece a glória infinita cos céus. A sujeira que nós estamos não merece o céu, nós merecemos é o inferno, é isso que a gente merece. Esta é a virtude da humildade diante de Deus. Esta é a tensão da vida cristã: magnanimidade: saber que fomos feitos para o céu; humildade(diante de Deus somente): saber que merecemos o inferno.

      Na verdade é por PURA graça, PURA misericórdia que entraremos no céu. Nem mesmo a Virgem Maria merece o céu. Nossa Senhora foi salva tendo em vista os méritos de Jesus. Foi preservada do pecado tendo em vista os méritos de Jesus, como diz o dogma(ensinamento). Claro que a nossa miséria é infinitamente maior que a da Virgem Maria pelo nosso pecado.

      Nós cristãos e todo aquele que for salvo, só seremos por pura misericórdia de Deus. E é isto que enche o cristão de esperança.

      Para se compreender mais sobre o estado e vocação do homem, visitar: padrepauloricardo.org/cursos/doencas-espirituais-um-olhar-que-cura

      Pax Domini!
      Lucas.

      Excluir
  58. NÃO PASSAVA DE MÁGICO ESPECIALIZADO NA AREA DE FENOMENOLOGIA ESPIRITUAL...
    O que lhe garanto com toda a certeza é que ele nunca, jamais, sob hipótese alguma aceitou uma investigação seria dos fatos, saía fora de todas as propostas; as informações melhores são de que não passava de um mágico de gabarito que se especializou na área de fenômenos e possuiria certas qualidades de videncias que lhe proporcionava agir com um duplo espertalhão.
    Agia igual a como mágicos que entram em salões tiram carteiras, meias dos pés, etc., e ninguém percebe, só que a sua area de espetáculo circense era dO modelo de fenomenologia espiritual.
    O Chico não foi trouxa nos conceitos dos oportunistas: soube vender bem, e como o seu peixe...

    ResponderExcluir
  59. Galera eu sou Catolico e começei a ler sobre espiritismo pelo simples fato de ver e sentir coisas desde criança, ja vi varias coisas inesplicaveis e não foram coisas de relance, já passei por algumas experiencias e nunca frequentei centro espirita, por isso creio que espiritismo não possa ser uma farça, apezar de n me conciderar espirita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, sendo você católico, deveria pesquisar sobre espiritismo, antes de tudo, na Bíblia Sagrada e nos documentos da Igreja, e procurar ajuda na Igreja. De fato, a possibilidade dos chamados "fenômenos mediúnicos" não é negada pela Escritura, mas sim condenada, e categoricamente.

      Vejamos o que a Bíblia diz a respeito do assunto:

      Levítico 19,31 diz: “Não vos voltareis para os que consultam os mortos nem para os feiticeiros; não os busqueis para não ficardes contaminados por eles. Eu sou o Senhor vosso Deus.”

      As práticas hoje adotadas pelo espiritismo eram comuns entre os pagãos da região da Palestina, nos tempos bíblicos. Deus preveniu os Filhos de Israel para que não se envolvessem com espiritismo exatamente antes de entrarem na Terra Prometida.

      Diz em Deuteronómio 18,9-12: “Quando entrares na terra que o Senhor teu Deus te dá, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará no meio de ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador, nem quem consulte espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz estas coisas é abominável ao Senhor, e é por causa destas abominações que o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti.”

      Pessoas que vivem experiências semelhantes às suas costumam buscar conselhos de "médiuns", mas qual é a fonte verdadeira das mensagens transmitidas por essas pessoas e os supostos espíritos que consultam?

      Um episódio na vida do Apóstolo Paulo parece esclarecer o assunto. Atos 16,16-18 diz o seguinte: “Ora, aconteceu que quando íamos ao lugar de oração, nos veio ao encontro uma jovem que tinha um espírito adivinhador, e que, adivinhando, dava grande lucro a seus senhores. Ela, seguindo a Paulo e a nós, clamava, dizendo: 'São servos do Deus Altíssimo estes homens que vos anunciam um caminho de salvação'. E fazia isto por muitos dias. Mas Paulo, perturbado, voltou- se e disse ao espírito: 'Eu te ordeno, em nome de Jesus Cristo, que saias dela'. E na mesma hora saiu.”

      Espíritos maus, anjos que antes viviam com Deus no Céu, rebelaram-se com Satanás e atuam neste nosso mundo. Apocalipse 12,7-9 fala dos anjos que ajudam o Dragão e a Antiga Serpente, Satanás, que engana todo o mundo, na perdição da humanidade.

      Sem dúvida nenhuma, a atividade de consultar os mortos é reprovada por Deus.

      “Quando vos disserem: 'Consultai os que têm espíritos de familiares e feiticeiros, que sussurram e murmuram', respondei: 'Acaso não consultará um povo a seu Deus? Acaso a favor dos vivos se consultará os mortos?'” (Isaías 8,19)

      Não se iluda: cristianismo e espiritismo são completamente incompatíveis. Se você precisa de ajuda, procure a orientação da Igreja e reze muito. Jesus Cristo é muito maior.

      Deus o abençoe e guarde, e Maria Santíssima o acompanhe na caminhada
      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Obrigado... Deus te abençoe.

      Excluir
  60. Amigos, o que importa é que todos nós somos obras-prima de Deus, independente de qualquer religião devemos, como dizia meu avó "fazer o bem sem olhar a quem" e assim devemos vivemor no amor de Cristo, onde mesmo quando esquecemos dele, ou deixamos de dar a devida importância, Ele nunca deixa de nós amparar e de nós amar, porque Jesus não faz diferença de sexo, raça, cor , religião.
    Não vou desejar que Deus abençõe vcs porque eu tenho certeza que Ele já faz isso.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  61. Acabei de ampliar meus conhecimentos. Agora sei que você não conhece nada de espiritismo muito menos sobre Chico Xaver...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, claro, Jean... Para você se convencer de que nós conhecemos espiritismo, teríamos que dizer que essa doutrina é a revelação da "verdadeira verdade" sobre todas as coisas, e que o Chico Xavier não foi este homem real que podemos ver através dos FATOS demonstrados em nossa postagem, e sim o maior santo que já pisou no planeta Terra. Aí você nos elogiaria...

      Bem, esse tipo de apologia irresponsável você com certeza não encontrará nesta página. Sugiro procurar algum dos muitos sites ou publicações espíritas que estão à disposição por aí. Nessas fontes você vai ler tudo aquilo que deseja ler, e terá todas as suas crenças reafirmadas. Aqui, você encontra somente a verdade.

      Deus o liberte e salve
      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Replicando o que falou Julio Cesar lá atrás, que cabe como uma luva para os novos comentários que foram surgindo:

      " - Curioso é que nenhum dos 'anônimos' que vem defender Chico Xavier refuta os simples FATOS apresentados no texto. Essas pessoas apelam para o sentimentalismo, para a filosofia, alguns para a baixaria... Mas ninguém toca no assunto que interessa, por exemplo: como é que os "espíritos de luz" que assistiam Chico Xavier não o avisaram que o pedido de ajuda do investigador era falso? Como se explicam os casos de plágio de obras literárias? E os truques de mágica que ele usava para iludir os ingênuos? E a associação dele com uma charlatã e criminosa? E as fotos que o comprometem?

      Os defensores de Chico Xavier não falam nada sobre esses simples FATOS. Só ficam filosofando, ponderando, questionando coisas que não interessam, mudando de assunto..."

      É... O tempo passou e nada mudou.

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  62. Os defensores da igreja católica não falam nada sobre o lado vergonhoso, ofensivo e criminoso desta igreja: perseguição, morte aos inocentes, estupro, pedofilia, mentiras, acúmulo de riquezas, etc.
    Não tem lugar para humildade nesta igreja?
    Esta realidade é bem diferente do cristianismo e facilmente de ser comprovada.
    O bom senso me obrigou a colocar este comentário que gostaria de vê-lo publicado neste blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fernanda, Fernanda...

      Tenho a impressão de que desde que descobriu essa postagem você não tem feito outra coisa a não ser entrar aqui, todos os dias, e deixar comentários que falam dos supostos "crimes" da Igreja... Que não foram publicados porque esse tipo de argumentação já foi apresentada e respondida diversas vezes, aqui neste espaço para comentários mesmo. E como eu também já falei, não há nenhum sentido em ficar publicando sempre as mesmas argumentações, de novo e de novo e de novo...

      De todo modo, fico admirado com a sua persistência! É realmente impressionante a magnitude da idolatria que a sua psique construiu em torno da imagem fictícia do Chico Xavier!

      Na verdade, um dos seus comentários repetidos (com o mesmo teor deste) foi publicado em nossa seção "Contato", onde você o deixou, acompanhado da nossa resposta. Acho que você não viu, então vou replicá-lo abaixo, em consideração à sua tenacidade:

      Fernanda, está claro que você ficou terrivelmente ofendida com o nosso post puramente informativo sobre a vida de Chico Xavier, e agora tenta a todo custo lavar a honra do seu ídolo apontando problemas na Igreja. Isso é muito triste.

      Leva-me a imaginar a prosaica cena de uma criança flagrada numa traquinagem, quebrando um prato. A mãe o repreende e ele diz: "Mas o meu irmão fez pior, ele quebrou o vaso!"... A velha e infantil estratégia de mudar de assunto, tentar escapar da "bronca" desviando a atenção para um outro problema... O irmão ter quebrado o vaso anula o fato de ele ter quebrado o prato? Apontar o erro do outro faz desaparecer o próprio erro?

      Bem, os padres são seres humanos, assim como os bispos, assim como o Papa. Todos eles estão sujeitos ao erro e ao pecado, como seres humanos falhos que são. Isto é uma coisa. Mesmo eles sendo pecadores, porém, a Doutrina de Cristo, proclamada pela Igreja, permanece intocada. A Igreja é uma outra coisa, bem como a Verdade eterna que ela proclama.

      Um padre que praticou a pedofilia, situação que você menciona insistentemente, foi infiel àquilo que a Igreja ensina (isto é mais do que óbvio), pois a prática da pedofilia, evidentemente, é um grave pecado condenado pela Igreja. Consegue compreender isto? Ora, se ele fosse fiel à Igreja, se praticasse o que a Igreja ensina, não seria pedófilo. Por isso mesmo, um padre pedófilo não representa a Igreja, por ser um traidor da própria Igreja, e todo fiel católico repudia tal comportamento com todas as suas forças.

      Já o caso do Chico Xavier é completamente diferente. Estamos falando de um homem cuja vida está repleta de episódios comprometedores, para dizer o mínimo. Um homem que foi inúmeras vezes desmascarado enquanto "médium". Um homem que comprovadamente aliou-se a uma charlatã profissional, que depois veio a ser presa, - sendo que ele, pelo mesmo motivo, precisou literalmente fugir da Justiça. - E estamos falando de um homem que, apesar de tudo isso, é idolatrado pela quase totalidade dos espíritas. Esta é a simples e enorme diferença.

      Nada que divulgamos sobre Chico Xavier é nossa opinião. Não nos queira mal por esclarecer simples fatos aos nossos leitores.

      Voltando à tenebrosa questão dos padres pedófilos, se quiser saber mais a respeito, você pode ler o artigo que publicamos aqui neste blog mesmo, antes deste sobre o Chico Xavier. Veja no endereço abaixo:

      http://vozdaigreja.blogspot.com.br/2000/05/pedofilia-na-igreja.html

      Também já falamos sobre a inquisição e sobre o mito da "grande riqueza" da Igreja. É só você usar a nossa caixa de busca e vai encontrar esses artigos.

      Deus a ilumine e guarde
      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Henrique,

      Eu estava lendo este post até este momento e te digo: você é extremamente paciente e comprometido com a evangelização através deste apostolado.

      A paciência - conforme ensinou a pequena Jacinta de Lourdes - leva ao Céu, pois quem é capaz de praticar uma paciência heroica dificilmente peca, pois suporta tudo por amor a Cristo (na nossa luta por adquirir virtudes sólidas é uma das virtudes fundamentais para avançarmos na santificação da alma - nas moradas do grande castelo que é a nossa alma, conforme Santa Teresa).

      É impressionante como você não foi rude, em nenhum momento deste post, sempre esclareceu o caráter informativo dos fatos e, indiscutivelmente, contra fatos concretos não há argumentos, mas mesmo assim, não adianta... até já falaram que as denúncias aqui postadas foram desmascaradas, mas não colocaram aqui aonde foram desmascaradas. Aonde estão as fontes que provam este fato? Além do quê, o tempo todo falam em ataque e ofensas, e eu não vi isso em nenhuma paravra sua. Vê a verdade quem quer. Quem tem honestidade intelectual para ler todo o post vai constatar a verdade, se desejá-la verdadeiramente.

      Seria mais fácil eles apresentarem provas de que o que foi postado aqui é falso, mas sabemos que, se não o fizeram depois de tanto tempo e só continuam brigando, é porque a verdade já foi exposta, e ela está neste post.

      Jesus diz assim: "Os olhos são a luz do corpo. Se a luz dos seus olhos são trevas, quão espessas não deverão ser estas trevas!"

      Quando a pessoa está nas trevas - quando não está em comunhão com a Igreja, vive em pecado grave, está nas trevas do pecado.

      Eu li num livro espiritual esta comparação (não é uma transcrição literal, mas somente a ideia): Se imaguinarmos um quarto totalmente escuro, é impossível enxergar o que está no seu interior, pois carecemos de luz para enxergar o que está lá dentro; se, então, aparece um feixe de luz, passa-se a ver até mesmo as pequenas poeiras que estão suspensas no ar, mesmo as mínimas. Ou seja, se alguém está em trevas, mesmo que mostremos a verdade para alguém que está em trevas, esta pessoa não é capaz de enxergar, conforme o Senhor ensinou no Evangelho: "Se a luz do seu olho são trevas...".

      Só enxergamos a Verdade quando vamos para a Luz. E as trevas não compreendem a luz...
      Somente Deus pode dar a graça de enxergarmos a verdade. E quando uma alma se converte, Deus dá a luz do autoconhecimento. Quando examinamos a nossa consciência e começamos a ser capazes de enxergar os nossos pecados e, principalmente, de confessá-los, é a Luz que Deus lança na alma para que possamos vê-los e, assim, nos purificarmos e emendarmos a nossa vida.

      (continua)

      Excluir
    3. (continuação do post anterior)
      Quando enxergamos a verdade e queremos aderir a ela, custe o que custar, mesmo que tenhamos que abrir mão de convicções que tínhamos antes de descobrir a verdade, e descobrimos ser inverídicas (nossas falsas crenças, convicções, ideias etc., que vão contra às verdades da fé), o processo torna-se mais fácil, mas penso que algumas pessoas sofrem com o apego às suas convicções e se recusam a aceitar e abraçar a verdade porque, muitas vezes, este passo exige a renúncia de muitas coisas e, consequentemente, determinadas mudanças radicais na vida anterior ao conhecimento da verdade.

      Mudar de vida radicalmente pode ser muito doloroso, a depender do quanto a pessoa está apartada da verdade.

      Eu passei por isso quando descobri a verdade e retornei à Igreja e, desde então, tem sido uma luta interior (a velha guerra espiritual) para me santificar. A pessoa tem que estar consciente de que abraçar a verdade realmente não é fácil.

      Jesus não nos ofereceu o conforto, mas a Cruz, e isso está muito claro para mim. Mas Ele também dá a liberdade de abraçarmos a amarmos a nossa cruz ou não. São Paulo diz que nada pode se comparar à gloria que termos no Céu. As dores que passamos na Terra não são nada em comparação com a glória que teremos no Céu. E pela minha fé, abracei a Cruz, e sei que nunca ficarei desamparada, aconteça o que acontecer, pois nós amamos o Amor e Ele nunca nos deixa sós nas nossa dificuldades (estas são para nos fortalecermos e santificarmos).

      Não deixe de ter essa paciência e essa retidão de intenção em se manter na verdade e denunciando a mentira, mesmo que tenha que sofrer por isso, pois isso muito agrada ao Senhor. É uma honra poder ser digno de sofrer ofensas pelo Nome do Senhor, e você é um desses felizardos \o/.

      Não é minha intenção ensiná-lo, pois você deve ser homem de oração, mas una seus sofrimentos aos de Cristo - assim, você participa de Seu Sacrifício redentor - e ainda pode ajudar muitas almas a se converterem à verdadeira Igreja de Cristo.

      Essa ideia de que é presunção dizermos que somos portadores da verdade é um artifício do maligno, posto pela ditadura do relativismos, o chamado relativismo moral, onde cada um tem a sua própria verdade; assim, os inimigos de Deus desejam colocar por terra a Verdade Eterna, como sempre, através da mentira e do embuste. Mas nós sabemos que venceremos, pois o Imaculado Coração de Maria triunfará.

      Rezemos pela conversão de nossos irmãos e por todos os inimigos da Igreja, pois Jesus não que que nenhuma alma se perca.

      Que Maria Santíssima abençoe com abundantes graças a sua família e seu apostolado e interceda a Deus pela sua santificação pessoal, e Jesus seja sempre o seu grande e verdadeiro Amor, como é o meu :)

      Um grande agraço,
      Cristiane

      Excluir
    4. Querida irmã em Cristo Cristiane,

      De fato, a lida do cristão é por vezes cansativa, requer extrema paciência, e aprender a paciência é uma grande arte, além de um dom que vamos adquirindo por Dádiva divina.

      Mas também é verdade que Nosso Senhor jamais cessa de nos enviar doces consolações, assim como foi para mim ler as suas doces palavras. Não saberia agradecer pelo apoio.

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  63. Realmente, Henrique, é impressionante a idolatria que se criou em cima do Chico Xavier! Parabéns aos responsáveis pela postagem responsável, clara, séria e informativa.

    Só mesmo no Brasil uma pessoa com esse histórico poderia ser tão reverenciada e idolatrada. O pior é a reação quando você mostra simplesmente a verdade para essas pessoas. Em vez de repensar, eles se ofendem! Deveriam agradecer por ter pessoas como Henrique Sebastião, o Vitor Moura do obras psicografadas, o portal Falhas do espiritismo, o criticandokardec.com.br e outros, que falam simplesmente a verdade.

    JP Montes

    ResponderExcluir
  64. Bom dia, não tenho religião, sou agnóstico mas gosto de pesquisar as religiões e filosofias espiritualistas do mundo. Não sou um homem de fé mas estou sempre aberto para aceitar tudo o que pode ser demonstrado por meio da ciência ou dos fatos ou pelos menos do bom senso.

    Que Chico Xavier foi um homem humilde e muito simples, e que parece que ele tinha um grande carinho pelos pobres e sofredores, é um fato. Que ele está muuuuuito longe dessa imagem que os seus adoradores tem dele, é outro fato indiscutível.

    Todos os fatos citados neste post são 100% verdadeiros e estão bem documentados, isso eu posso garantir, e muitos outros também até mais comprometedores do que estes que foram apresentados. O Waldo Vieira que trabalhou com o Chico, que foi citado, acabou contando muita coisa sobre isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na minha opinião, Chico tinha um pouco das três coisas: era um homem caridoso, tinha algum desvio mental e era também um charlatão. Mas dessas três a única coisa que pode ser facilmente provada é que ele sem dúvida usou de charlatanismo, e muito, para ludibriar as pessoas desesperadas que procuravam ele em busca de um consolo. Disso ninguém que seja realmente sério pode ter dúvidas.

      Acho que mesmo assim algumas pessoas querem continuar acreditando nele, idolatrando a figura dele, porque faz bem para elas, faz elas terem esperança. É bem comum dos brasileiros isso.

      Por isso é bem necessária a proposta deste post, porque os espirítas, invariavelmente, não têm auto-crítica, e isso os tornam, pior do que fanáticos,sectários. Neste ponto, são como a generalidade dos marxistas.

      Suponho que isto ocorre pelo teor teológico, religioso e exclusivista que a filosofia de Kardec ganhou no Brasil, o que é uma lástima. Se eles tivessem continuado na linha da pesquisa, aí seria um esforço válido, mas me parece que abandonaram essa proposta inicial justamente porque a pesquisa realmente séria começou a demonstrar a invalidade não só dos fenômenos como principalmente da doutrina espírita.

      um grande abraço.

      Excluir
    2. Oi Jonatas, discordo de vc: também podemos provar que o Chico era caridoso e ajudava os pobres. É só ver o que ele fazia. As duas coisas são provadas, que ele era caridoso e que ele era charlatão. Se ele era doente mental ou não é mais difícil de provar, até poruqe ele não se permitia examinar pelos médicos. - Tom

      Excluir
  65. AVISO AOS DEFENSORES DE CHICO XAVIER:

    Pedimos encarecidamente: parem de enviar comentários apontando falhas e pecados na Igreja Católica. A postagem trata de dados biográficos de Francisco Cândido Xavier. Dos muitos comentários feitos por admiradores da personagem Chico Xavier, nenhum, absolutamente nenhum sequer, contestou os fatos apresentados na postagem. Até porque contra fatos não existem argumentos.

    Alguns apelaram para xingamentos (comentários excluídos), outros tentaram justificar ou compensar as manchas na biografia do seu ídolo apontando para as suas supostas boas obras, mas a imensa maioria se limitou a apontar falhas ou pecados na Igreja Católica. E essa atitude continua sendo predominante em todos os comentários que recebemos nesta postagem, até o presente momento.

    Tais comentários deixaram de ser publicados porque são sempre iguais, usam da mesma estratégia e nada de argumentação lógica. Como já respondemos a muitos deste tipo, a mesma resposta vale para todos.

    O editor do bom site "Falhas do Espiritismo", que não declara a sua própria opção religiosa ou filosófica, e se dedica a demonstrar lógica, filosófica e cientificamente a inviabilidade do espiritismo enquanto doutrina, enfrenta o mesmo problema por lá. Explica muito bem ele:

    "Não declaro a minha religião por um motivo bastante simples: se eu disser que pertenço à religião / filosofia / partido político / time de futebol “X”, então uma penca de indivíduos vão buscar defeitos em “X” em vez de refutar o material que publico. Devolvo-lhes a pergunta: você precisa saber quem eu sou para refutar o que afirmo?"

    A resposta irreverente e bem-humorada acima é mais do que apropriada. Em outras palavras: vamos discutir os argumentos ou provas apresentadas, e não a pessoa que os apresenta, pois neste caso é totalmente irrelevante. Mesmo que este blog representasse a pior facção criminosa do planeta Terra, isso não mudaria o fato de que o artigo demonstra e comprova verdades (fontes citadas) sobre a vida de Chico Xavier, nada mais nada menos.

    Concluindo: todos vocês, que se sentem indignados com este artigo informativo, refutem as informações que ele apresenta, e não a religião do autor. Simples!

    Sobre as mazelas daqueles que representam a Igreja Católica neste mundo, já tratamos em diversas outras postagens nossas: pedofilia, inquisição, ideologias perniciosas que se infiltram na Igreja, etc. Não temos medo de falar sobre os nossos problemas, porque somos pela Verdade, e a Igreja também. Os pecados dos filhos da Igreja não maculam a Igreja, pela simples razão de que o próprio ato de pecar é trair a própria Igreja. Assim como Judas não pode representar Jesus Cristo ou os Apóstolos fiéis a Ele, os padres e/ou bispos pecadores não representam a Igreja de Cristo, simplesmente porque são infiéis à sua doutrina e suas determinações.

    * Com os nossos mais sinceros votos de que a Luz do Senhor brilhe sobre todos

    Apostolado Voz da Igreja

    ResponderExcluir
  66. Francisco Cândido Xavier foi um exemplo de honestidade e simplicidade
    Poderia ter sido um milionário se assim o quisesse
    Por ter conquistado no mundo a sua grande popularidade
    Em vida, só mostrou humildade em sua prece
    No entanto morreu pobre, mas nobre de espírito e na caridade
    Com certeza, Chico Xavier hoje se enaltece
    Na Mansão De Deus, Na Glória Da Eternidade.
    (celsoarchanjo)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Celso,

      Sua mensagem é tão curiosa quanto contraditória.

      A sua primeira afirmação é totalmente falsa. Chico Xavier não foi "exemplo de honestidade", como a própria postagem que você está comentando demonstra e comprova, e qualquer pesquisador realmente interessado em conhecer a verdade sabe disso. Ponto.

      Aliás, não é honesto afirmar isso diante de tantas provas em contrário: essa postura demonstra uma adesão fanática a um mito. Mesmo que se comprove que o mito é fabricado, o fanático fecha os olhos e continua insistindo na sua veracidade.

      Quanto à sua segunda afirmação, essa nós já refutamos, algumas vezes, aqui neste espaço para comentários mesmo. Sim, tudo indica que Chico Xavier tenha sido uma pessoa humilde e desapegada; ele não era dado a grandes luxos. Mas parece que gostava de ser idolatrado. Nem sempre a motivação de um charlatão é o dinheiro.

      A partir daí, você apresenta uma linha de pensamento completamente sem nexo: no seu pensar, porque ele poderia ter ficado rico, mas preferiu viver uma vida simples, a doutrina que ele defendia é verdadeira(!?).

      Veja que não há sentido nenhum neste raciocínio; na verdade, trata-se de um completo absurdo. O fato de Chico Xavier ter vivido de um jeito simples não prova que ele era honesto, e menos ainda que aquilo que ele pregava era verdadeiro. Consegue entender isto? Não é porque uma pessoa seja desapegada que devemos aceitar a doutrina que ela representa como autêntica. Neste blog, antes de qualquer coisa, estamos interessados na busca e na defesa da Verdade.

      Além disso, se você parte do princípio de que uma vida simples seja atestado de veracidade doutrinal, por coerência você precisa se tornar católico hoje, agora mesmo! Pois, indiscutivelmente, nenhuma outra religião gerou tantos exemplos de abnegação, desapego da matéria e dos prazeres do mundo quanto o catolicismo. Como eu já falei por aqui, se você procura alguém para admirar por ter dedicado a vida pelo bem do próximo, apresento-lhe Santo Padre Pio de Pietrelcina, São Luiz Orione, São Maximiliano Maria Kolbe, São Vicente de Paulo, São João Bosco, São Francisco de Assis, Santa Luzia, Madre Tereza de Calcutá, Irmã Dulce dos Pobres, Cardeal Van Thuan, etc, etc, etc... Todos esses e muitíssimos outros realmente dedicaram suas vidas pelo bem dos pobres e sofredores, muitos chegando a sacrificar literalmente a vida, e todos eram absolutamente apaixonados pela Igreja Católica. Nenhum deles renegou nem deturpou a verdadeira doutrina de Jesus Cristo, como fez o Chico Xavier.

      Por último, a contradição maior do seu comentário: Chico Xavier estaria agora sendo enaltecido "na Mansão de Deus, na Glória da Eternidade"!?

      Ora, mas a própria figura que você tanto exalta dedicou toda a vida a pregar uma doutrina que nega a existência dessa glória eterna e definitiva na Pátria Celeste! Segundo o que ele sempre pregou, ele mesmo estaria fadado a "reencarnar" para sofrer mais, num processo "evolutivo" praticamente infinito, uma crença adaptada do paganismo hindu e que contraria frontalmente o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo, que pregou a misericórdia infinita e o perdão gratuito de Deus. Misericórdia e perdão que não dependem de uma sucessão de reencarnações, mas que são dados por Graça a quem acolhe o Amor Divino.

      Rogamos, prezado Celso, que reveja as suas certezas, observe os seus condicionamentos e busque a Verdade acima de todos os falsos ídolos. Rezamos por sua vida.

      Deus o abençoe e guarde

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  67. Ola Henrique,

    Gostaria que falace também de outras religiões como o budismo, esta são compatíveis com o cristianismo?
    Dalai lama por exemplo sempre teve boas relações com a igreja católica, e o que pregam estas religiões(assim como o taoismo e o confucionismo) que vem crescendo bastante no ocidente.

    ResponderExcluir
  68. Olá!

    Aos interessados, segue artigo científico envolvendo uma análise psicológica a respeito do caso de Chico Xavier:

    http://www.alipsi.com.ar/e-boletin/e-boletin%20psi_vol.8_no.1_enero_2013.htm#tit03

    ResponderExcluir
  69. foi posto de tempos em tempos na humanidade epíritos vultuosos,célebres como Madre Tereza,Francisco de Assis a fim de unir os irmãos,todos humildes e desprendidos de materialismo,tal qual chico,que veio a terra divulgar amor e caridade.toda a religião que prega o amor vale apena!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, São Francisco de Assis e Madre Teresa dedicaram suas vidas a evangelizar os sofredores, atendendo-os em suas necessidades tanto espirituais quanto materiais, e o fizeram somente pela Graça Divina e por sua fé em Jesus Cristo, Deus e Salvador, e em sua Santa Igreja. Chico Xavier dedicou sua vida a propagar uma doutrina que nega Jesus Cristo como Deus e o nega também como Salvador, indo contra tudo aquilo em que a Igreja crê e prega. Nesse processo, ele levou algum (falso) consolo àquelas pessoas inconformadas com a finitude desta vida material; e o fez em nome de Jesus, um Jesus que é só um "espírito evoluído" e nada tem a ver com o Cristo Redentor da humanidade. Com isso, propositalmente ou não, ele desviou muitas almas do Caminho, da Verdade e da Vida.

      Portanto, não há nenhuma condição de comparação entre eles, e menos ainda de equipará-los, considerando-os todos como "espíritos vultuosos".

      Esperando ter esclarecido, desejo-lhe a grande benção do discernimento.

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  70. Caro Henrique, boa tarde

    Em meio a pesquisas, acabei me deparando com seu texto, (e de sua esposa, conforme resposta a comentários anteriores).

    Sou espírita já há bastante tempo, e antes disso, fui batizado, catequizado e crismado. Não que isso venha a ser importante, apenas para uma "apresentação formal".

    Não venho questionar informações dadas, nem comentários feitos, muito menos levantar bandeiras. Para mim, credo religioso é uma questão de foro íntimo e não me vejo no direito de tentar impor minha crença aos outros. Quero apenas pedir o respeito.

    Nos comentários finais do texto, há um pedido intrínseco de respeito, que infelizmente não considerado por ambas partes.

    Em diversos comentários, e também no corpo do texto, é enfatizado que o mesmo não tem por finalidade julgar a figura de Chico Xavier, entretanto, nas considerações antes dos comentários, 2º tópico, item B, vocês afirmam: “...seria preciso conhecer uma pessoa pública pessoalmente para formar juízo de valor.”.

    Ainda no 2º tópico, item B, você é enfático: “POR FAVOR, NOTE QUE O ASSUNTO EM DISCUSSÃO AQUI É CHICO XAVIER.”, mas, em uma das muitas respostas a comentários, dispara: "Não, não, Walter, eu estou falando de 100% dos centros espíritas nos quais pobres doentes mentais são aconselhados a se submeterem a "tratamentos espirituais" para afastarem "espíritos obsessores".", primeiramente considero bastante ofensivo chamar alguém de "doente mental", veja que a terminologia é extremamente pejorativa (agravada pelo termo 'pobres') e que é uma expressão em desuso, portanto errônea. E, atente, você diz, portanto, que 3,8 milhões de brasileiro são 'doentes mentais', já que este é o número de espíritas de acordo com o Censo 2010 do IBGE (http://censo2010.ibge.gov.br/noticias-censo?view=noticia&id=1&idnoticia=2170&t=censo-2010-numero-catolicos-cai-aumenta-evangelicos-espiritas-sem-religiao).

    E um último ponto a considerar, é minha curiosidade em saber se ao longo de todos esses anos de estudo e pesquisa, chegaste a ter contato com a linha de pesquisa da "verdade x verossimilhança", já que enfatizas em boa parte da obra a sua crença como verdade absoluta, desconsiderando a fé de outros nossos irmãos.

    Fico grato por sua atenção, parabenizo pelo trabalho e pelo estudo, e mais uma vez peço à equipe desta publicação e aos visitantes que opinam que mantenham a atmosfera de estudo centrada no RESPEITO, todos ganham conhecimento e ainda colaboramos por uma convivência melhor. Mesmo com nossas diferenças culturais, somos filhos de um mesmo Pai e buscamos, na essência, fortalecer nosso vínculo com ele.

    Abraço fraterno,
    Marlon

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Marlon,

      Agradecemos pelo tom cordial e respeitoso da sua mensagem, mas observamos que existem alguns equívocos importantes nas suas considerações. Vejamos...

      Em primeiro lugar, quando nos referimos à "figura" de Chico Xavier, estamos falando da falsa imagem que se criou em torno da pessoa histórica; estamos nos referindo ao poderoso mito que eclipsou o homem Chico Xavier, o ser humano que realmente existiu. De fato, não estamos empenhados em julgar uma farsa, um personagem fictício, e sim demonstrar os fatos verídicos que envolvem a vida da pessoa real.

      Em segundo lugar, o que afirmamos é que não é preciso conhecer pessoalmente uma pessoa pública para formar juízo de valor, o que é mais do que óbvio.

      Terceiro, quando enfatizamos que o tema deste post é Chico Xavier, o fazemos por um motivo muito simples e fácil de constatar: a quase totalidade dos comentaristas espíritas que aqui se manifestam empenham-se em procurar e apontar falhas na Igreja Católica, ao invés de refutar os argumentos, evidências e provas que estamos apresentando. Isso também já foi explicado.

      Quarto, a nossa resposta ao comentarista "Walter", que você cita, foi dentro de um contexto específico: ele (seguindo a regra), ao invés de comentar os assuntos propostos, acusou os católicos de idolatria, de atribuírem poderes milagrosos a manchas em vidros e bobagens desse tipo. Foi dentro desse contexto que respondemos, demonstrando a sua absurda incoerência. Porém, muito importante, nós não afirmamos que todos os espíritas são doentes mentais. O que eu disse, e confirmo, é que existem muitíssimos casos de doentes mentais que procuram centros espíritas e saem de lá convencidos de que estão sendo assediados por "espíritos obsessores".

      Conheço o caso de uma mocinha que deixou tratamento médico para submeter-se a "tratamento espiritual"; o resultado é que teve o seu quadro bastante agravado, e por esse erro teve que enfrentar penosas complicações. Tal comportamento é comum nos centros espíritas, isso eu afirmo e até posso comprovar, de diversos casos que conheci.

      Quinto, não há absolutamente nada de ofensivo em chamar um doente mental de... doente mental. Perdoe-me, mas não me incluo entre as fileiras dos "politicamente corretos" que assolam o nosso país, inventando nomes diferentes para as coisas, como se isso resolvesse algum problema. Repentinamente, aborto não é mais aborto, é "gravidez interrompida"; homossexual, agora, é "gay" ou "LGBTT" (ou alguma outra sigla confusa); anão é "pessoa portadora de nanismo"; cego é "portador de deficiência visual", e por aí vai... Sinto informar, mas mudar os nomes das coisas não muda o pensamento e nem a consciência de ninguém.

      Respeitamos, sim, o direito de cada cidadão escolher a sua própria religião, e, mais uma vez enfatizamos que não é esse o tema desta postagem.

      Deus o abençoe e lhe conceda sua Luz libertadora

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
    2. Vc é o tipo de pessoa que ainda vai acabar batenndo na porta de uma casa espirita pedindo socorro....o tempo dirá

      Excluir
    3. Não sinto decepcioná-lo, anônimo (nem um pouco), mas graças a Deus eu passei dessa fase.

      Como eu busco pela Verdade, e não por consolo, no meu caso foi exatamente o contrário: passei pelo espiritismo, sim, mas continuei minha jornada até chegar à Casa do Deus Vivo: a Igreja que Nosso Senhor Jesus Cristo nos deixou para a nossa salvação, que é católica e apostólica.

      Desde esse dia, graça sobre graça, benção sobre benção em minha vida.

      Interessante você dizer isso, porque meu pai faleceu há poucos dias dias, e eu encontrei todo o "socorro" de que precisava em Deus. Não precisei de "médium" algum para tentar contatar o meu pai, - nem para se fazer passar por ele para me dar um falso consolo, - pois como cristão de fé eu tenho plena convicção na vida eterna, por Graça de Deus, e não por meus esforços.

      Até porque, nós, seres humanos, por nós mesmos, só fazemos bobagem, e não há encarnação que nos salve, e sim o Sacrifício de Cristo, Nosso Senhor, Salvador e Deus.

      Abraço fraterno e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
    4. Henrique, Graça e Paz

      Belíssima resposta. Fico contente de vê-lo bem e consolado por Deus. Cristo é o único caminho; parabéns pela coragem de proclamar esta verdade.

      Deus te abençoe.

      Excluir
  71. Olá,

    Achei interessantes as publicações aqui colocadas.
    Algo que aprendi é de que o catolicismo é uma teologia e que o espiritismo é uma filosofia, ou seja, o catolicismo parte de uma verdade absoluta (Bíblia) e o espiritismo da busca pela constante pela verdade.
    A questão é que a Bíblia foi escrita em parábola, e já em algumas vezes, as verdades absolutas tiveram que ser redefinidas, pois a ciências provou que a interpretação estava equivocada. Apenas como exemplo posso citar: O universo foi criado em 6 dias, A Terra é o centro do universo, Adão e Eva foram os únicos e primeiros habitantes do planeta, dentre outras.
    Com relação aos tratamentos espirituais, se algum lugar, que se diz centro espírita, pediu ou orientou que se larga-se o tratamento material para apenas usar o tratamento espiritual, com certeza este lugar não é um centro espírita que segue a doutrina codificado por Kardec.
    Os mesmos santos venerados pelo catolicismo, também são reconhecidos pelos espíritas, assim como reconhecemos o valor inestimável de Madre Teresa de Calcutá, de Dalai Lama, dentre outras, não por sua religião, mas porque dedicaram a sua vida em prol da humanidade.
    A base do espiritismo é a mesma do catolicismo, e de qualquer outra religião Cristã, ou seja, os ensinamentos deixados por nosso Mestre Jesus.
    O verdadeiro espiritismo reconhece Jesus como nosso maior modelo a ser seguido e, não contraria nenhuma outra religião que tem como meta, a melhora do ser humano. Dizer que o espiritismo renega Jesus é o mesmo que dizer que Deus não é grande coisa, pois não criou o mundo em 6 dias, mas em 6 eras. Acreditar que Deus, esteja acima de tudo, como está, e que por isso mesmo não precisa seguir suas próprias leis, não é algo que me conforta, me parece mais uma questão de egoísmo e de mesquinharia, e que contraria o fato dEle nos ser superior em tudo.
    O caso específico da Otilia foi desmascarado por um médico espírita, sendo que ela confessou que o plano espiritual não mais a acompanhava, devido ao fato dela ter optado por um caminho de orgulho e vaidade. O espiritismo tem apenas 150 anos, e como é formado por homens, não está livre de cometer erros e equívocos, assim como o catolicismo comete grandes equívocos no presente e principalmente no passado.
    A razão me diz que não é possível acreditar que apenas uma existência é suficiente para poder evoluir e ter direito a uma vida eterna. Se isso fosse verdade qual o sentido em nascerem crianças deficientes? De algumas crianças serem estupradas? De tanta gente viver na miséria enquanto tão poucos têm tudo o que quiser? Por que Deus se daria ao “luxo” de ficar observando tanta barbárie, se na média, em menos de 70 anos estaríamos mortos e seriamos acordados para ter uma vida plena na eternidade? Quantos bilhões de seres estariam esperando para acordar? Adão e Eva ou mesmo Abel, estão dormindo há mais de 6 mil anos? Se alguns forem para o inferno, então Jesus mentiu? Algumas ovelhas se perderam no meio do caminho. Por que não tenho liberdade de acreditar em uma doutrina que tem uma explicação muito mais racional? Que não dogma ou mistérios? Se tudo aquilo que ela me mostra é que preciso estar sempre me melhorando, sempre praticando o bem, ter pensamentos voltados para o bem de todos, jamais julgar alguém, mesmo aqueles que cometem crimes hediondos, pois eles estão doentes e precisam de ajuda, não de quem os condene, qual é o problema que isso pode me causar?
    Acredito que ao invés de ficarmos procurando o que há de negativo em cada religião, sugiro que nos concentremos na busca por aquilo que é positivo. Uns precisam estudar mais, outros ser menos egoístas, mas afinal, se todas tem como base a melhora do ser humano, qual é a dificuldade em aceitar que cada um se sente melhor com determinada religião?
    Abraços,
    Marcelo Olaia
    olaiamar@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Marcelo Olaia,

      Você trouxe tantos e tão complexos assuntos, em seu comentário, que precisamos publicá-lo, junto com nossa resposta, em forma de post. Leia no link abaixo, por gentileza:

      Espiritismo, busca pela Verdade e catolicismo (em duas partes)

      Abraço fraterno

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  72. Faltou mencionar que o "espírito guia", o tal Emmanuel que o Chico Xavier dizia incorporar e psicografar as mensagens oriundas do tal espírito iluminado é, conforme as descrições dadas pelo próprio Chico, alguém que nunca existiu. Que não há registros históricos e que não haveria alguém com tal grafia e nome na época e lugar afirmados pelo "grande médium brasileiro"... Para os espíritas enganados: existem farsas conscientes e inconscientes. Se ele era um farsante consciente então era sim um charlatão... De toda forma era um farsante por apoiar seus atos em farsas....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se Chico Xavier, foi um charlatão, oportunista, mentiroso, ele deveria ser dono de fazendas, canal de tv, iates, contas no exterior, mansões, carros de luxo e blindados, acusação de pedofilia e por ai vai..... Mas ele viveu e morreu na simplicidade!!

      Excluir
    2. Márcia, ao final de nossa postagem já respondemos a essa mesma alegação que você está fazendo:

      Muitas pessoas já disseram que Chico Xavier foi exemplo de humildade e que vivia o que pregava. - Respondemos, simplesmente, que isso não é atestado de veracidade da doutrina que ele pregava.

      O fato de alguém ser humilde e praticar o que prega não é garantia de que aquilo que ele prega seja verdadeiro. Nossa preocupação e nossa fidelidade, neste site, é para com a verdade.

      Sim, tudo indica que Chico Xavier tenha sido uma pessoa humilde e desapegada, e que não era dado ao luxo. Mas tudo indica também que ele gostava de ser admirado, cercado de atenção, idolatrado, o que conseguiu, e como! Sem nenhuma dúvida, o que ele deixou de receber em dinheiro, recebeu em atenção, carinho, admiração, devoção e uma verdadeira idolatria, que perdura até hoje.

      Nem sempre a motivação de um charlatão é o dinheiro
      . - Não estamos, com isso, afirmando que Chico tenha sido um charlatão, mas sim demonstrando as abundantes evidências que existem neste sentido.

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  73. Meu nome é Kelly - Estava ensinando a meu filhinho o terço bizantino, pois acho bem mais simples para que as crianças rezem e aprendam a importância da oração em nossas vidas, e acabei me deparando com um link para "Chico Xavier", achei estranho, pois estava em site que a principio era "católico", então cliquei para ver o que era e me deparei com um texto enorme falando o lado ruim de um homem que foi espirita.

    Confesso que me senti um pouco envergonhada quando li esse texto, principalmente os comentários que denigrem a imagem do Chico Xavier. Não acredito que ele seja santo, nem ídolo, muito menos farsante ou charlatão, pois todas essas características citadas, sejam falando mal ou bem, são as percepções das pessoas, as percepções do que temos por dentro, pois vemos o mal se temos o mal em nosso coração.

    Se ele mentiu ou não mentiu quanto a ver espíritos, falar sobre vida após a morte, com certeza ele errou, mas o que dizer das milhares de pessoas que ele ajudou alimentando sem questionar e até rezando por elas?! sera que dar alimento a alguém é errado? Será que rezar por alguém é errado ? ... com certeza não. Agora vamos comparar, se um homem rouba 500 reais de uma empresa e dá o dinheiro inteiro roubado para uma família de 6 pessoas que estava passando fome ele fez o bem????? Acredito que o bem feito a família é indiscutível, porem a procedência é errada e ele irá "pagar" por isso, assim também como receberá "graças" por ter ajudado alguém...

    A verdade é que nós preferimos olhar o lado mal dos outros ao invés de olhar o lado bom... assim mascaramos nossos defeitos e nossa falta de coragem de fazer o que devemos fazer...

    Devíamos nos preocupar muito mais em fazer o bem, fazer caridade ao invés de perder o tempo falando mal dos outros, afinal se ele errou ou se outros estão errando (em acreditar em espíritos, vida apos a morte e reencarnação), ninguém tem o direito de julgar... agora porque não falemos de todo o bem que ele fez ???

    Com certeza não agrada a Deus o mal que dirigimos a alguém em forma de palavras ou pensamentos... ao invés de falar mal, rezemos por ele, porque se errou, que Deus tenha piedade dele, e se não errou que tenha piedade de outros que o criticam...

    Só para registrar, me senti envergonha pois sou católica, cresci frequentando a igreja, participando de grupos de jovens, fui catequista, hoje já não trabalho na comunidade, mas continuo sendo católica e frequento a missa, tenho amigos evangélicos de diversos tipos e espiritas, e não me sinto melhor que eles por ser católica, mas me sinto envergonhada quando o tempo gasto em falar mal dos outros..
    Que Deus abençoe a todos vocês que fazem o site, e que Ele possa iluminar as ideias de quem os escreve afastando sempre que alguém quiser falar mal de alguém...

    Fiquem com Deus e Nossa Senhora.

    Kelly

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Kelly,

      A resposta ao seu comentário foi publicada em forma de post. Por gentileza, leia acessando o link abaixo:

      ** Acesse o post

      Abraço fraterno e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Voz da Igreja

      Excluir
  74. Acho que o principal beneficio do espiritismo é que não nos são impostos Dogmas . O Espiritismo diz que :"Não há salvação , fora da caridade",não temos a necessidade de atacar nossos irmãos que pensam diferente .

    O tempo que é perdido por muitos tentando desmascarar crenças contrárias as suas , é um pecado , pois poderia ser empregado de maneira mais útil e edificante .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Paulo, a resposta a este seu comentário foi publicada em forma de post. Queira, por gentileza, ler no endereço abaixo:

      http://vozdaigreja.blogspot.com.br/2003/08/o-catolicismo-os-dogmas-e-o-espiritismo.html

      Abraço fraterno e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
  75. Querido irmão, não se trata de desmascarar crenças mas se amamos verdadeiramente nossos irmãos não podemos ficar calados pois o próprio Cristo nos ordenou - Ide e evangelizai e evangelizar significa divulgar a verdade (dogma) que é a mesma ontem, hoje e sempre- isto é o que significa dogma. Graças a verdadeira Igreja de Cristo o mundo foi aprendendo a importância da Caridade, mas caridade sem Cristo, seremos apenas uma ONG como disse nosso Papa e foi exatamente por esquecer que sem a presença de Deus o conceito de caridade vai se perdendo no tempo como tem acontecido cada vez mais neste mundo moderno, sem dogmas, que acha que não precisa de Deus. Mas se mesmo asim você não concordar, ficarei triste por não conseguir lhe abrir os olhos mas continuarei na luta fazendo a caridade de tentar salvar irmãos que tanto amo. A Paz de Cristo esteja sempre com você. Como disse Paulo, ai de mim se não evangelizar, isto sim é pecado. Ass. Daniel Coelho

    ResponderExcluir
  76. creio que vc esta mal informado, chico xavier passou 3 anos com os cientistas da nasa, eles o investigaram de todas as formas............

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem certeza do que está afirmando? Por favor, cite a fonte dessa informação. Se quiser, eu posso lhe poupar o trabalho, já que você não vai achar a fonte, porque ela não existe.

      Esse é o tipo de lenda (para ser educado e não dizer mentira) que se cria em torno do mito Chico Xavier, e só serve para confirmar tudo aquilo que estamos esclarecendo no post: a enorme diferença que existe entre o sujeito real e o mito criado pelos devotos, com amplo auxílio da mídia.

      Abraço fraterno e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
  77. Graça e Paz!

    Parabenizo o Blog por abordar este tema. Uma séria advertência a todos os que frequentam igrejas cristãs mas simpatizam com os ensinos espíritas pode ser tirada da carta de Paulo aos Gálatas.

    Paulo apóstolo - não da parte de homens, nem por meio de algum homem, mas por Jesus Cristo e por Deus Pai que o ressuscitou dos mortos -
    e todos os irmãos que estão comigo, às igrejas da Galácia:
    a vós, graça e paz da parte de Deus, nosso Pai, e da parte do Senhor Jesus Cristo,
    que se entregou por nossos pecados, para nos libertar da perversidade do mundo presente, segundo a vontade de Deus, nosso Pai,
    a quem seja dada a glória pelos séculos dos séculos. Amém.
    Estou admirado de que tão depressa passeis daquele que vos chamou à graça de Cristo para um evangelho diferente.
    De fato, não há dois {evangelhos}: há apenas pessoas que semeiam a confusão entre vós e querem perturbar o Evangelho de Cristo.
    Mas, ainda que alguém - nós ou um anjo baixado do céu - vos anunciasse um evangelho diferente do que vos temos anunciado, que ele seja anátema.
    Repito aqui o que acabamos de dizer: se alguém pregar doutrina diferente da que recebestes, seja ele excomungado!
    É, porventura, o favor dos homens que eu procuro, ou o de Deus? Por acaso tenho interesse em agradar aos homens? Se quisesse ainda agradar aos homens, não seria servo de Cristo.
    Asseguro-vos, irmãos, que o Evangelho pregado por mim não tem nada de humano.

    Gálatas 1:1-11

    Essa tradução é católica. O Cristianismo é a única igreja verdadeira. Embora existam pessoas ótimas na espiritismo, só Cristo salva, e Ele se manifestou na sua Palavra. Todo o resto é falso ensino!

    ResponderExcluir
  78. NASA? KKKKKKKK!! O que tem a ver a agência espacial estudar um homem que diz que fala com gente morta? O, meu brasil.....

    ResponderExcluir
  79. Apenas nunca vi algum site espirita atacar outras religiões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro: este site não está atacando outra religião, e sim apresentando fatos sobre a vida do cidadão Francisco Cândido Xavier.

      Segundo: não só existem muitos sites espíritas atacando o catolicismo, como a própria literatura espírita também o faz. Os trechos a seguir são da 4ª edição do Livro “Emmanuel”. Assim diz Chico Xavier sobre as “revelações” que lhe teriam sido ditadas pelo “espírito Emmanuel”:

      1. "A história do papado é a história do desvirtuamento dos princípios do cristianismo, porque, pouco a pouco, o Evangelho quase desapareceu sob suas despóticas inovações. Criaram os pontífices o latim nos rituais, o culto das imagens, a canonização, a confissão auricular, a adoração da hóstia, o celibato sacerdotal. Noventa por cento das instituições são de origem humaníssima, fora de quaisquer origens divinas (p. 30)";

      2. "O Vaticano não soube, porém, senão produzir obras de caráter exclusivamente material" (p. 31);

      3. "Ninguém ignora a fortuna gigantesca que se encerra, sem benefício para ninguém, nos pesados cofres do Vaticano" (p. 57);

      4. "Ele (o 'espírito Emmanuel') sabe que a Igreja “fez mais vítimas que as dez perseguições mais notáveis" (p. 56);

      5. "Ele conhece a imensidade de crimes, perpetrados à sombra dos confessionários penumbrosos" (p. 52);

      6. "Tem notícias do 'célebre livro de taxas, do tempo de Leão X, em que todos os preços de perdão para os crimes humanos estão estipulados'” (p. 61);

      7. "Sabe que o dogma da Santíssima Trindade é uma adaptação ocidental da 'Trimurti' da antiguidade oriental" (p. 30).

      O mais importante é que tudo isso é, simplesmente, grossa mentira! Os espíritas exigem respeito quando alguém os critica, mas, para eles, todas essas calúnias foram “reveladas” a Chico Xavier por um “espírito de luz".

      Bem, fizemos uma pequena análise dessas grandes difamações, que publicamos em duas partes. Se quiser ler, os endereços são estes:

      http://vozdaigreja.blogspot.com.br/2001/11/catolico-e-espirita.html

      http://vozdaigreja.blogspot.com.br/2001/12/catolico-e-espirita-2-parte.html

      Abraço fraterno e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
  80. Leonardo S. de Oliveira.22 de outubro de 2013 23:41

    Passeando por esse maravalhoso site me deparei com um seguidor de gasparzinho que disse que o Chico Xavier foi estudado pela nasa.
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Apostolado Fiel Católico eu admiro muito a paciência de vcs.
    In Corde Jesu, semper.

    ResponderExcluir
  81. Parabéns ao site pela matéria esclarecedora.Espiritismo e Chico Xavier são uma verdadeira PRAGA que afastam as pessoas de Deus e de sua revelação.Luto há anos em minha família para afastar de meus entes essa doutrina perversa.A única forma é rezar incessantemente para que se afastem dessa doutrina, pois falar e discutir com espíritas não adianta.se deve rezar pela conversão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo anônimo.
      E preciso rezar para Deus para a nossa conversão para que eles vejam que somos sal da terra e luz do mundo,depois por eles para que a misericórdia de Deus alcancem os seus corações.

      Excluir
  82. Faltaram 2 detalhes: 1- O charlatão foi um defensor da Ditadura. Repito: Chico Chavier, alem de todos os deméritos expostos nessa matéria, APOIOU A DITADURA. 2- Como Espírita, faço questão de salientar que, muito embora o sendo comum e a percepção de quem está de fora levem as coisas para um caminho segundo o qual Chico Xavier = Espiritismo, saibam que o Espiritismo não abraça as idéias desse senhor. Chico trabalhou contra o Espiritismo. Chico não é um autor espírita. Portanto, não há necessidade de apontar o dedo contra espíritas como se nós déssemos nossa concordância ou como se valorizássemos essas atitudes, ou pior, como se fossemos ingênuos que amam Chico e desconhecem/se negam a enxergar a verdade. Não. Nós, verdadeiros espíritas, sabemos bem quem foi Chico, e temos muito orgulho em afirmar que Chico não tem nada a ver com Espiritismo. Compreendam: defensores de Chico não são verdadeiramente espíritas. São Espiritólicos. A desvinculação do Espiritismo em relação a Chico é hoje nosso grande desafio.

    ResponderExcluir
  83. A doutrina espírita em todos os pontos vai contra o evangelho de Jesus cristo..Prega a reencarnação e não tem a fé em Jesus cristo como senhor e salvador.Como jesus disse a lobos desfarçados de ovelhas parecem bons e ingênuos,mas pelos frutos se conhecem a arvore..Se voltem para jesus enquanto a tempo e conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. Parabéns pelo site.Que Deus te dê muita sabedoria e inteligência..paz e bem.Elys priscila católica praticante Graças a Deus

    ResponderExcluir
  84. 8. Apesar de o espiritismo se declarar uma “ciência”, Chico Xavier se recusava a permitir que cientistas estudassem seus alegados poderes. Ele dizia que seu "guia" não permitia. Mas o que ele temia?

    ---> Concordo plenamente, mas então pq a igreja não permite mais que estudem o Santo Sudário. Assim poderíamos comprovar para esses "cientistas" que ele é de verdade, da época de Cristo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu comentário é completamente descabido, anônimo. Você fez uma confusão tão grande e está tão equivocado que eu nem sei por onde começar a esclarecer as coisas. Vejamos...

      Em primeiro lugar, são duas questões e situações completamente diferentes, que nada tem a ver uma com a outra. Neste post, estamos discutindo Chico Xavier, e não as relíquias da Igreja. Não há nenhuma relação e nenhum ponto de comparação entre uma coisa e outra.

      Em segundo lugar, os defensores de Chico Xavier, que creem em suas capacidades mediúnicas, e defendem a sua veracidade, evidentemente dependem de essas capacidades serem verdadeiras para que não sejam, simplesmente, (no mínimo) ingênuos. Se o homem foi uma farsa, então se engana (ou faz papel de tolo) quem crê nele. O mesmo não acontece com os católicos em relação ao Sudário. A Igreja nunca colocou relíquia alguma como fundamento de fé.

      Em terceiro lugar, A Igreja nem sequer afirma a autenticidade do Sudário. Apenas o considera digno de veneração, seja por sua antiguidade (ainda que tenha origem no período medieval), seja pela piedade que desperta, mostrando em detalhes a agonia de Cristo em sua flagelação e execução na cruz.

      Em quarto lugar, é óbvio que para crer em Chico Xavier como um grande "médium" é preciso crer em seus supostos dons espirituais. - Já a fé católica, ao contrário, não depende da autenticidade do Sudário para ser considerada digna de crédito. Como disse, não há similaridade alguma entre as duas situações. - Mesmo que se viesse a demonstrar definitivamente que o Sudário não é a autêntica mortalha de Jesus, isso não abalaria em absolutamente nada a fé católica.

      Em quinto lugar, não é verdade que a Igreja não permite que os cientistas estudem o manto considerado sagrado por muitos (não oficialmente pela Igreja): a própria Igreja não só permitiu como patrocinou diversas pesquisas científicas na relíquia, inclusive o polêmico teste de carbono 14 realizado em 1988, que acabou datando o tecido como tendo sido produzido ma Idade Média, - embora esse resultado tenha sido posteriormente muito contestado.

      Bem, o fato é que com esse comentário estrambótico você me fez perceber algo importante: este blog ainda não tratou da questão do Santo Sudário, embora um extenso estudo já tenha sido publicado há algum tempo em nossa revista impressa! Hora de publicá-lo por aqui, também...

      Um abraço e a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
    2. As datações de carbono 14 que foram feitas do sudário constituem uma das maiores fraudes da história. Numa segunda análise foi provado que o sudário tem origem no ´SECULO I e que os resíduos de pólen achados no sudário, demonstram que ele tem origem na região de Israel. E mais: a imagem tridimensional impressa no tecido não pode ser conseguida com cadáver ou manequim sujos de tinta ou sangue. Exaustivos testes foram feitos e demonstram que o Sudário tem uma grande possibilidade de ser autêntico. Mas a IGREJA CATÓLICA parece querer insistir no contrário. Sou um cientista e professor universitário. Tenho pós-doutorado na Escola de Medicina da YALE UNIVERSITY (considerada a terceira melhor faculdade de medicina do mundo). NÃO SOU ESPÍRITA. NÃO SIGO NENHUMA RELIGIÃO. Sou Editor de três (3) revistas científicas do exterior (uma de câncer dos Estados Unidos, uma de gastroenterologia da China e uma de Biologia Evolucionária da África do Sul).

      Excluir
  85. Leonardo S. de Oliveira.15 de novembro de 2013 19:20

    "---> Concordo plenamente, mas então pq a igreja não permite mais que estudem o Santo Sudário. Assim poderíamos comprovar para esses "cientistas" que ele é de verdade, da época de Cristo!"

    Meu Deus, em que mundo esse anonimo vive? O Santo Sudário tem sido estudado por um monte de cientistas.

    Mas o que tem a ver o Santo Sudário com o texto do blog?

    Quando eu digo que o sentimentalismo romântico desses anticatólicos os transformam em irracionais, todo mundo acha que pego pesado com esses manés românticos.

    Eu me divirto com esses sentimentais e suas repostas sem lógica!!

    In Corde Jesu, semper.

    ResponderExcluir

Por favor, identifique-se com seu nome ou um apelido (nickname) ao deixar sua mensagem. Na caixa "Comentar como", logo abaixo da caixa de comentários, você pode usar a opção "Nome/URL". O campo "URL" não precisa ser preenchido.

** Seu comentário poderá ser publicado em forma de post, a critério dos autores do blog Fiel Católico.

*** Comentários que contenham ataques e/ou ofensas pessoais não serão publicados. Nossa proposta é basicamente a catequese e a apologética: apresentar a Sã Doutrina, defender a Fé. Debates são esperados e bem-vindos, desde que se discutam ideias e não pessoas. Demonstrar sim, combater sim, discordar sim, condenar erros sim. Julgar pessoas não.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.